Programa Centelha II Piauí tem aumento na submissão de propostas em mais de 60% em comparação a 1ªedição

Read more about the article Programa Centelha II Piauí tem aumento na submissão de propostas em mais de 60% em comparação a 1ªedição
Dados de ideias submetidas por região. Fonte: Centelha II Piauí
  • Post author:
  • Post category:CentelhaNotícia
  • Post last modified:10 de novembro de 2022
  • Reading time:5 minuto(s) de leitura

O Programa Centelha II Piauí visa estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura empreendedora no Brasil. A iniciativa é promovida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e a Fundação CERTI. No Piauí, a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), é a instituição responsável para a execução do programa que agora conta com sua segunda edição.

No Piauí, as inscrições encerraram nesta quarta-feira (31). Ao todo, 416 projetos foram submetidos e 1125 empreendedores participantes. Ciro Sá, diretor de Inovação da FAPEPI, destaca que um aumento de mais de 6O% na submissão de projetos em comparação à primeira edição. Os 416 projetos inscritos são de 37 municípios do Estado do Piauí e abrangem os temas: Tecnologia Social; Tecnologia da Informação e Telecomunicações; Robótica; dentre outros.

Os principais setores participantes foram Saúde, Bem Estar-Social, e Educação. Pelo menos 70% dos inscritos nesse programa têm idade entre 18 e 40 anos.

“Isso demonstra o interesse do jovem piauiense no empreendedorismo”, comenta o diretor Ciro Sá, destacando que mais de 6O% das pessoas participantes no programa se autodeclararam pardas ou pretas.

O diretor Ciro Sá considera que é muito importante o apoio das instituições parceiras para a execução do Programa Centelha II Piauí, como Sebrae, Institutos de Ciência e Tecnologia, Incubadoras e Secretarias Estaduais do Piauí.

“A Fapepi pretende manter a regularidade a cada dois anos lançar o edital do Programa Centelha para cada vez mais incentivar o empreendedorismo inovador no nosso estado”, destaca Ciro Sá.

Aos projetos selecionados, o Programa oferece capacitações, recursos financeiros e outros tipos de suporte, a fim de impulsionar a transformação de ideias em negócios de sucesso, além do aporte financeiro para custeio das propostas, além de auxílio mensal para custeio dos participantes.

Continuar lendoPrograma Centelha II Piauí tem aumento na submissão de propostas em mais de 60% em comparação a 1ªedição

CONFAP e DAAD lançam chamada para programa de auxílios a doutorandos brasileiros

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:1 de setembro de 2022
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura

O Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD) abriu as inscrições ao programa de auxílio para estadias de pesquisa para doutorandos brasileiros com bolsa no país. Trata-se de um financiamento complementar à bolsa nacional concedida pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) ou por uma Fundação Estadual de Amparo à Pesquisa (FAP) participante do programa (vide lista abaixo), com o objetivo de viabilizar parte da pesquisa da tese na Alemanha. Os interessados poderão se candidatar até 30/09/2022 para estadias de pesquisa entre abril de 2023 e janeiro de 2024.

O novo edital traz uma boa notícia: a partir de 2022, os bolsistas de doutorado das FAPs do Mato Grosso, Amazonas, Paraíba, Ceará e Distrito Federal passam a poder se candidatar ao programa de auxílio do DAAD. Todos os detalhes sobre o financiamento, os requisitos e o processo de candidatura se encontram no edital no site do DAAD.

Os contemplados pelo programa podem permanecer na Alemanha por dois a seis meses (sem interrupção da vigência da bolsa da agência brasileira). Os estudantes podem escolher entre universidades, institutos de pesquisa, laboratórios ou bibliotecas para realizar pesquisas específicas, relevantes para o desenvolvimento da tese de doutorado.

No momento, 23 Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAPs) participam do programa de auxílio para doutorandos:

FACEPE – Pernambuco
FAPEAL – Alagoas
FAPEAM – Amazonas
FAPEAP – Amapá
FAPEG – Goiás
FAPEMA – Maranhão
FAPEMIG – Minas Gerais
FAPERGS – Rio Grande do Sul
FAPERJ – Rio de Janeiro
FAPERN – Rio Grande do Norte
FAPES – Espírito Santo
FAPESB – Bahia
FAPESC – Santa Catarina
FUNDECT – Mato Grosso do Sul
FAPERO – Rondônia
FAPT – Tocantins
Fundação Araucária – Paraná
FAPEPI – Piauí
FAPEMAT – Mato Grosso
FAPESPA – Amazônia
FAPESQ – Paraíba
FUNCAP – Ceará
FAPDF – Distrito Federal

Continuar lendoCONFAP e DAAD lançam chamada para programa de auxílios a doutorandos brasileiros

Inscrições para o Centelha II Piauí encerram nesta quarta-feira (31)

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:1 de setembro de 2022
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) está selecionando propostas para o programa Centelha com a colaboração do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e da Fundação CERTI.

O Programa Centelha visa estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura empreendedora no Piauí, por meio de capacitações, recursos financeiros e suporte para transformar ideias em negócios de sucesso. Em maio de 2020, foi lançado o primeiro edital onde 276 ideias foram submetidas, 821 empreendedores participaram das capacitações e 21 startups foram apoiadas. Cada startup recebeu um investimento de até 60 mil reais. As inscrições encerram amanhã às 18h, do dia 31 de agosto.

As inscrições são realizadas pelo site oficial do programa.

Na primeira edição do Centelha PI um dos cases de sucesso foi a startup EcoBfit. A empresa produz alimentos a partir do coco babaçu, derivado de estudos desenvolvidos pela nutricionista e doutorando em Biotecnologia, Lindalva de Moura Rocha. Com a execução do programa Centelha Piauí, a pesquisadora fez uso de suas pesquisas, apresentando uma proposta inovadora para o edital da primeira edição do Centelha Piauí. E com o apoio aprimorou o resultado das suas pesquisas para serem produtos comercializados.

Se você tem uma ideia inovadora, essa é uma grande oportunidade para alavancar a sua ideia e receber aporte financeiro de até R$53 mil. O objetivo é transformar as ideias selecionadas em empreendimentos rentáveis! Além disso, o Programa Centelha oferece bolsas de até R$26 mil, networking e capacitações. Não fique de fora.

Para mais informações acesse o edital.

Continuar lendoInscrições para o Centelha II Piauí encerram nesta quarta-feira (31)

UFPI sedia palestra de divulgação do Programa Centelha Piauí, que irá apoiar criação de até 61 startups

  • Post author:
  • Post category:CentelhaNotícia
  • Post last modified:19 de agosto de 2022
  • Reading time:4 minuto(s) de leitura

Com bolsas de até R$ 53 mil, o Programa Centelha Piauí irá apoiar a criação de até 61 projetos inovadores no estado. Em alinhamento a essa iniciativa, o Campus da UFPI de Teresina recebeu representantes da fundação catarinense responsável pela execução do Programa no Piauí e em mais 24 estados e no DF. Para divulgar as oportunidade no estado, ocorreu nesta quinta-feira (18) a palestra “Por que empreender: Oportunidades de Geração de Negócios”, no Auditório Maria Salomé Cabral, no Centro de Ciências da Educação (CCE/UFPI). No Piauí, as inscrições ao edital do Centelha encerram no dia 31 de agosto. 

Palestra sobre o edital do Programa Centelha acontece no auditório do CCE/UFPIA iniciativa incentiva o empreendedorismo inovador no Brasil, e no Piauí, e já está em sua segunda edição.

Durante o evento, o pró-reitor de Pesquisa e Inovação, Luiz de Sousa Santos Júnior, destacou que a parceria “leva alunos, professores e servidores da UFPI a pensarem e fazerem inovação no Piauí”.

Prof. Luiz de Sousa Júnior, pró-reitor de Pesquisa e Inovação

Para se inscrever ao Centelha Piauí, basta acessar o site programacentelha.com.br e clicar em ‘’Inscrições Abertas’’. Qualquer pessoa maior de idade, que reside no Piauí, pode se inscrever. Empresas também podem concorrer, desde que atendam aos critérios estabelecidos no edital.

Maria Teresa Diniz, coordenadora de projetos da Fundação CERTI, foi a palestrante do evento e apresentou todo o panorama do edital. “Nosso objetivo é ajudar as pessoas que têm uma ideia, mas ainda não sabem o que fazer com ela. Nós tiramos essa ideia do papel e a transformamos num empreendimento de sucesso”, destaca.

Na palestra, Maria Teresa detalhou os resultados esperados do Centelha no Piauí.

Além de conquistar R$ 53 mil, há a oportunidade de receber até R$ 26 mil adicionais por projeto em bolsa de apoio do CNPq, construção de networking e acesso a parceiros e ainda capacitação e suporte aos negócios.  Maria Teresa Diniz, coordenadora de projetos da CERTIPodem ser inscritas ideias de diferentes áreas, como: fabricação de alimentos e bebidas, cerâmica, saúde e bem-estar, tecnologia da informação, borracha e plástico, telecomunicações, marketing e mídia, dentre outros.

Ciro Sá, diretor de inovação da FAPEPI, em palestra na Universidade Federal do Piauí.

Ciro Sá, diretor de inovação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), participou do evento e destacou os benefícios das parcerias do Programa Centelha. “Muitas vezes é realizada uma pesquisa que possa impactar a comunidade, mas faltam estratégias e os recursos necessários”, conclui.

Fonte: UFPI

Continuar lendoUFPI sedia palestra de divulgação do Programa Centelha Piauí, que irá apoiar criação de até 61 startups

CNPq e MCTI lançam Chamada Pública para o setor de transporte

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:30 de agosto de 2022
  • Reading time:5 minuto(s) de leitura

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), lançam Chamada Pública para o setor de transporte e convida os interessados a apresentarem propostas.

O objetivo é apoiar projetos de pesquisa que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico e a inovação do País, na área de transporte.

São objetivos e diretrizes desta chamada: o fomento a projetos de pesquisa em Ciência, Tecnologia e Inovação (CT & I) na área de Transporte em conformidade com o disposto nesta Chamada, e nas linhas de pesquisa.

O escopo dos projetos submetidos deve ser aderente a uma das seguintes Linhas de pesquisa:

  • Inovações no transporte, incluindo os sistemas inteligentes e integrados de passageiros e carga, a automação e a robótica integrada ao transporte, e o processo produtivo (indústria 4.0, manufatura aditiva, novos materiais e reciclagem).
  • Transporte inteligente no contexto brasileiro, incluindo os veículos autônomos, as cidades inteligentes e sustentáveis e as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) para o trânsito (IoT, redes de sensores, 5/6G, aplicações de IA, MaaS, estruturação de bases de dados).
  • Inovações em tecnologias de infraestrutura e superestrutura rodoviária e ferroviária, com foco em novos materiais e suas tecnologias de produção, novos processos construtivos e melhoria de desempenho de materiais e processos construtivos convencionais, observado os aspectos referentes à sustentabilidade e à redução de custos.
  • Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação nos setores de transporte com foco no planejamento, intermodalidade e regulação, objetivando maior eficiência da rede.

Submissão de proposta

O prazo para submissão de proposta encerrará no dia 31/08/2022, conforme edital. O período de Julgamento será de 19 a 30/09/2022. A divulgação do resultado preliminar do julgamento no Diário Oficial da União, por extrato, e na página do CNPq na internet em 14/10/2022. O prazo final para interposição de recurso administrativo será 24/10/2022. A divulgação da decisão no Diário Oficial da União, por extrato, e na página do CNPq na internet será 28/11/2022.

Critérios de Elegibilidade

O responsável pela apresentação da proposta deverá, obrigatoriamente ter seu currículo cadastrado na Plataforma Lattes, atualizado até a data limite para submissão da proposta; possuir o título de Doutor; ser o coordenador do projeto; ter vínculo formal com a instituição de execução do projeto.

Vínculo formal é entendido como toda e qualquer forma de vinculação existente entre o proponente, pessoa física, e a instituição de execução do projeto.

A instituição de execução do projeto deverá estar cadastrada no Diretório de Instituições do CNPq, devendo ser uma Instituição Científica, Tecnológica e de Inovação (ICT). A instituição de execução do projeto é aquela com a qual o proponente deve apresentar vínculo.

As propostas aprovadas serão financiadas com recursos no valor global de R$ 16.100.000,00 (dezesseis milhões e cem mil reais) oriundos do FNDCT/Fundos Setoriais, a serem liberados de acordo com a disponibilidade orçamentária e financeira do CNPq e na forma pactuada entre as partes.

As propostas deverão ser submetidas em uma das seguintes Faixas:

  • Faixa A – Grupos de Pesquisa prioritariamente em colaboração com empresas e agentes do setor com limite máximo de R$ 200.000,00 (duzentos mil reais) por projeto;
  • Faixa B – Grupos de pesquisa obrigatoriamente em colaboração com empresas e entes do setor produtivo com limite máximo de R$ 500.000,00 (quinhentos mil reais) por projeto; e
  • Faixa C – Grupos de pesquisa obrigatoriamente em colaboração com empresas e entes do setor produtivo com limite máximo de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) por projeto.

Para mais informações acesse a página do CNPq.

Edital da Chamada disponível aqui.

Fonte: CNPq

Continuar lendoCNPq e MCTI lançam Chamada Pública para o setor de transporte

CAPES abre Chamada Pública para seleção de leitores brasileiros no exterior

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:11 de agosto de 2022
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura

Está aberto até as 17h de 30 de setembro o período de inscrições do Edital nº 36/2022, do Programa Leitorado. Por ele, leitores são enviados para universidades estrangeiras com o intuito de difundir a língua portuguesa falada no Brasil e dar visibilidade à literatura, à cultura e aos estudos nacionais.

As candidaturas devem ser apresentadas no Sistema de Inscrições da CAPES (Sicapes). É preciso preencher formulário on-line e enviar a documentação descrita no edital. Caso a instituição não seja cadastrada no Sicapes, é necessário solicitar até as 17h de 23 de setembro, uma semana antes do fim das inscrições.

Para participar, é necessário ser licenciado e mestre nas áreas de Linguística ou Letras. As bolsas serão pagas pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE), parceiro da CAPES no Programa, e têm duração inicial de dois anos, prorrogáveis por mais dois. O resultado preliminar sairá até 30 de novembro e o final, em janeiro de 2023. O início das atividades está previsto para março do próximo ano.

São 20 universidades, de 17 países: Alemanha, Argentina, Bélgica, Canadá, Cabo Verde, China, França, Guiné Bissau, Irlanda, Itália, Líbano, Moçambique, Paraguai, Rússia, São Tomé e Príncipe, Timor Leste e Uruguai. Cada uma tem seus próprios requisitos, descritos no anexo do edital.

Fonte: CCS – CAPES

Continuar lendoCAPES abre Chamada Pública para seleção de leitores brasileiros no exterior

CAPES divulga seleção para cátedra na Universidade de Tübingen

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:20 de setembro de 2022
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura

A CAPES divulgou seleção para a concessão de uma bolsa na modalidade Cátedra, na Universidade de Tübingen(Alemanha). Fruto do acordo assinado com a Eberhard Karls Universität Tübingen (Ekut), o Edital nº 31/2022 foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) da terça-feira, 02.

A bolsa, no valor de € 52.710, é voltada, prioritariamente, para pesquisa sobre o hemisfério Sul, nas áreas de Geografia Humana, Antropologia, Estudos de Comunicação e História. Com vigência que variável entre três e 12 meses, o benefício destina-se a professor ou doutor de notório reconhecimento pela comunidade acadêmica e científica do Brasil.

Os interessados podem esclarecer eventuais dúvidas junto à CAPES, até o dia 09 de setembro, pelo e-mail ekut@capes.gov.br. As propostas poderão ser apresentadas até o dia 16 do mesmo mês. Esse prazo compreende a inscrição, preenchimento do formulário e envio da documentação obrigatória. O resultado final está previsto para janeiro de 2023 e o início das atividades para março daquele ano.

Sobre o Programa
Programa Cátedra Tübingen incentiva o intercâmbio científico e a mobilidade acadêmica, assim como aumenta a cooperação entre instituições de ensino superior e centros de pesquisa brasileiros e alemães. Além disso, impulsiona o conhecimento naquela instituição sobre as contribuições de pesquisadores e educadores do Brasil, dando maior visibilidade internacional à produção acadêmica, científica, tecnológica e cultural dos catedráticos brasileiros.

Fonte: CCS – CAPES

Continuar lendoCAPES divulga seleção para cátedra na Universidade de Tübingen

CNPq e MCTI lançam Chamada Pública para pesquisas destinadas ao Combate à poluição no mar

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:30 de agosto de 2022
  • Reading time:4 minuto(s) de leitura

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) lançam a Chamada Pública CNPq/MCTI-FNDCT CT-Petro Nº 43/2022, para concessão de bolsas e auxílio financeiro para pesquisas destinadas ao Combate à poluição no mar e ambientes marinhos causada pelo plástico e seus subprodutos. 

A ideia é apoiar projetos de pesquisa que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico e a inovação do País em consonância com o Plano Nacional de Combate ao Lixo no Mar (PNCLM). Os objetivos e diretrizes desta chamada são: 

  • Desenvolver diagnóstico e estratégias tecnológicas para combater a poluição no mar e ambientes marinhos causada pelo plástico e seus subprodutos em consonância com o Plano Nacional de Combate ao Lixo no Mar – PNCLM.
  • Promover ações de educação, popularização e/ou divulgação científica para diferentes tipos de público, alcançando amplos setores da sociedade em articulação com especialistas, grupos e instituições que atuam nas áreas de educação formal e não formal. 

O prazo para submissão de propostas será até, às 23h59, do dia 05 de setembro. Os interessados devem realizar a inscrição, exclusivamente via Internet, através do Formulário de Propostas online disponível na Plataforma Integrada Carlos Chagas.

Serão selecionados projetos integrados ou redes de pesquisa em três distintas Linhas de Pesquisa:

Linha 1: Quantificação e tipificação do plástico. O objetivo desta linha é o de estabelecer o desenvolvimento de banco de dados com informações sobre os tipos de resíduos, fontes de origem, quantidades e distribuição do lixo no mar brasileiro com a finalidade de monitorar a efetividade das intervenções práticas e políticas para o combate ao lixo no mar. 

Linha 2: Tecnologias para decomposição, tratamento e substituição do plástico. O objetivo desta linha é o de fomentar projetos de inovação tecnológica para o aproveitamento do plástico recolhido do ambiente marinho, propiciar o desenvolvimento de materiais avançados para redesenho de produtos e substituição do plástico, com a finalidade de reduzir gradativamente o lixo presente nas praias brasileiras e nas águas do mar, atuando para que os impactos gerados por esses resíduos sejam minimizados. 

Linha 3: Redes de monitoramento da cadeia produtiva do plástico incluindo descarte e reciclagem. O objetivo desta linha é subsidiar o monitoramento da poluição causada pelo plástico na costa brasileira conforme previsto no PNCLM. Para tanto é necessário a realização de estudos da cadeia produtiva do plástico e seus subprodutos que forneçam dados e informações com metodologia científica padronizada, promovendo maior conhecimento e capacidade de pesquisa para subsidiar a tomada de decisão.  

Para saber mais acesse o link disponível.

Para consultar o edital acesse o link disponível.

Fonte: CNPq

Continuar lendoCNPq e MCTI lançam Chamada Pública para pesquisas destinadas ao Combate à poluição no mar

FAPEPI lança editais de bolsas de Iniciação Científica, Mestrado e Doutorado

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:2 de julho de 2022
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) mais uma vez garante oportunidade de bolsas para graduandos, mestrandos e doutorandos, e torna público nesta sexta-feira (01) o lançamento de editais para concessão de bolsas de apoio às atividades de pesquisa científica, tecnológica e inovação.

A FAPEPI convida pesquisadores vinculados a Instituições de Ensino e Pesquisa sediadas no Estado do Piauí a apresentarem propostas para obtenção de bolsas na modalidade Iniciação Científica (IC) para estudantes de Graduação no âmbito do Programa de Bolsas de Iniciação Científica da FAPEPI – PBIC, e para mestrandos e doutorandos, no âmbito do Programa de Apoio à Pós-graduação Stricto Sensu (PAPG). Os editais podem ser conferidos clicando aqui.

Os programas visam contribuir para a formação de pesquisadores em todas as áreas do conhecimento, através da concessão de bolsas de iniciação científica a alunos de graduação (PBIC), mestrado e doutorado (PAPG). 

Para mais informações acesse nossas redes ou entre em contato pelo e-mail fapepi@fapepi.pi.gov.br.

Continuar lendoFAPEPI lança editais de bolsas de Iniciação Científica, Mestrado e Doutorado

CNPq lança Chamada Pública para concessão de Bolsas de Iniciação Científica nas Ações Afirmativas

  • Post author:
  • Post category:NotíciaSem categoria
  • Post last modified:24 de junho de 2022
  • Reading time:5 minuto(s) de leitura

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) lançou a Chamada Pública para apresentação de propostas de instituições interessadas em participar do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica nas Ações Afirmativas (PIBIC-Af).

O Programa irá conceder bolsas de Iniciação Científica (IC). A concessão das bolsas ocorrerá em dois ciclos de 12 meses: 01 de setembro de 2022 a 31 de agosto de 2023 e 01 de setembro de 2023 a 31 de agosto de 2024. O objetivo é selecionar Instituições de Ensino Superior (IESs) públicas que tenham política de pesquisa científica institucionalizada e que tenham implementadas políticas de ação afirmativa para o ingresso de estudantes de grupos historicamente excluídos no Ensino Superior, além de promover a formação de estudantes de graduação beneficiários de políticas de ações afirmativas das IESs públicas no método científico e em outros conceitos fundamentais para a produção do conhecimento científico. O programa também visa contribuir para a formação de recursos humanos para a ciência dentre beneficiários de políticas de ações afirmativas das IESs públicas. Dessa forma, o programa visa possibilitar o acesso e a integração dos estudantes beneficiários de políticas de ações afirmativas para ingresso no ensino superior de grupos historicamente excluídos do ambiente acadêmico à cultura científica.

Os critérios de elegibilidade são obrigatórios e a ausência de qualquer um deles resultará no indeferimento da proposta.

  • O responsável pela apresentação da proposta deverá, obrigatoriamente:
    • a) estar cadastrado como Representante Institucional de Iniciação Científica no Diretório de Instituições (DI) do CNPq;
    • b) ter seu currículo cadastrado na Plataforma Lattes, atualizado até a data limite para submissão da proposta, e
    • c) ter vínculo formal com a instituição de execução da proposta.
  • Vínculo formal é entendido como toda e qualquer forma de vinculação existente entre o proponente, pessoa física, e a instituição de execução da proposta.
  • Na inexistência de vínculo empregatício ou funcional, o vínculo deverá estar caracterizado por meio de documento oficial que comprove haver concordância entre o proponente e a instituição de execução da proposta para o desenvolvimento da atividade de pesquisa e/ou ensino, documento que deverá ficar em poder do proponente, não sendo necessária a remessa ao CNPq.
  • No formulário de submissão da proposta, o proponente deverá declarar, para os devidos fins de direito, que não possui qualquer inadimplência com o CNPq e com a Administração Pública Federal, direta ou indireta, sob pena de indeferimento.
  • Caso constatada, a qualquer tempo, a falsidade da declaração, o CNPq adotará as providências cabíveis diante dos indícios de crime de falsidade ideológica.

As propostas aprovadas serão financiadas com recursos no valor global da ordem de R$ 8.000.000,00, sendo este total oriundo do orçamento do CNPq, a ser liberado de acordo com a disponibilidade orçamentária e financeira do CNPq.

As propostas deverão ser encaminhadas ao CNPq exclusivamente via Internet, utilizando-se o Formulário de Propostas online disponível na Plataforma Integrada Carlos Chagas. O horário limite para submissão das propostas ao CNPq será até às 23h59, horário de Brasília, do dia 01 de agosto de 2022.

A divulgação do resultado preliminar do julgamento no Diário Oficial da União, por extrato, e na página do CNPq na internet.

Para mais informações acesse o link.

Para acessar a Chamada Pública clique aqui.

Fonte: CNPq

Continuar lendoCNPq lança Chamada Pública para concessão de Bolsas de Iniciação Científica nas Ações Afirmativas