FAPEPI participa de solenidade de abertura do IV Seminário Integrado da UFPI

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:22 de novembro de 2022
  • Reading time:7 mins read
Mesa de honra da solenidade de abertura do IV SIUFPI. Foto: Jessé Pereira

Nesta terça-feira (22), a Universidade Federal do Piauí (UFPI), realiza a solenidade de abertura da 4ª edição dos Seminários Integrados da UFPI (SIUFPI). A mesa de honra contou com a presença do Reitor da UFPI, Gildásio Guedes, da Coordenadora-Geral do SIUFPI e Pró-Reitora de Extensão e Cultura, professora Dr.ª Deborah Dettmam Matos; além de representantes do Governo do Piauí, como o deputado federal Fábio Abreu; o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), professor Me. Antonio Cardoso do Amaral e a governadora do Estado do Piauí, Regina Sousa. Também esteve presente o professor Dr. Samuel Pontes, Superintendente da FADEX; e demais autoridades. O evento contou com o amparo da FAPEPI.

Vice-reitor da Universidade Federal do Piauí (UFPI), Prof. Dr. Viriato Campelo. Foto: Jessé Pereira

O Vice-reitor da UFPI, Prof. Dr. Viriato Campelo, destacou a importância das instituições de fomento e o apoio à ciência para à pesquisa científica na comunidade universitária piauiense. “A FAPEPI, por exemplo, tem uma contribuição fundamental. Eu tenho consciência. Nós temos confiança que a universidade fará o seu papel. O próprio presidente atual, o professor Amaral, nos informou agora que praticamente 60% dos recursos que estão dentro da FAPEPI são destinados à Universidade Federal do Piauí. E nós estamos perfeitamente de acordo que esses recursos são usados para grandes pesquisas, incrementar os programas de Pós-graduação que nós temos aqui, e todos os demais projetos, no sentido de ampliar cada vez mais a Pesquisa e Pós-graduação. Eu sei da participação da FAPEPI, sei da capacidade de outras instituições, como por exemplo, a Universidade Estadual do Piauí [UESPI], além das demais instituições. Então, é importante a participação dos órgãos governamentais, Federais como a CAPES, CNPQ, Ministério da Ciência e Tecnologia, assim como os órgãos estaduais e municipais.”, destaca o professor.

Durante a cerimônia o Presidente da FAPEPI, Antonio Cardoso do Amaral, foi homenageado e recebeu placa. Foto: Yury Pontes

O professor Antonio Amaral, presidente da FAPEPI, destaca a importância do evento e do amparo à pesquisa. “Este tipo de evento é fundamental para dar visibilidade ao conteúdo científico, tecnológico e inovações produzidos dentro da academia. O amparo, como a FAPEPI realiza, permite não só que essas pesquisas sejam viabilizadas, mas também que estudantes tenham condições de dedicar tempo à ciência”, afirma.

O Superintendente da Fundação Cultural e de Fomento à Pesquisa, Ensino, Extensão e Inovação (FADEX), destaca a importância dos investimentos na ciência através dos órgãos competentes para o desenvolvimento da pesquisa científica e o seu acesso a esses recursos.

Superintendente da FADEX, Prof. Dr. Samuel Pontes. Foto: Jessé Pereira

“As fundações de apoio e as fundações de amparo, no caso, da FADEX e a FAPEPI, são entidades que fomentam, permitem e proporcionam que as instituições de ensino e os pesquisadores, assim como demais estudantes, tenham acesso a recursos financeiros para o desenvolvimento da ciência no estado. Então, a gente procura gerir a FADEX como uma instituição que funciona como um catalisador do processo de produção científica. Então, garantimos o acesso a alguns financiadores. E quando as instituições precisam de algum apoio em forma de patrocínio ou mesmo de gestão administrativa e financeira, a FADEX é quem tem o Know-how e toda essa expertise para garantir a realização de eventos grandiosos. Como é o SIUFPI”, afirma o Prof. Dr. Samuel Pontes.

Vale destacar que o último dia para inscrição no evento é hoje (22). O encerramento ocorrerá no dia 1 de dezembro. A Coordenadora-Geral do SIUFPI, professora Dr.ª Deborah Matos, convida a comunidade para participar dos espaços. “Eu faço o convite para que não só os alunos que fizeram o trabalho, mas que toda a comunidade, tanto da universidade como externa, possa participar do evento, porque ele é um evento que é aberto para toda comunidade. Então qualquer pessoa pode se inscrever nas mesmas conferências a depender da área de interesse que deseja estudar, que vai desde a área de cultura, que nós temos maestros, até a área de medicina, dentre outras. Então a pessoa pode acessar o nosso site e se inscrever gratuitamente em qualquer uma, em qualquer uma dessas atividades”, convida Deborah Matos.

Coordenadora-Geral do SIUFPI, Deborah Dettmam Matos. Foto: Jessé Pereira

No último dia do evento a professora, destaca que será realizada uma cerimônia de premiação aos melhores trabalhos desenvolvidos na universidade. “Nós iremos realizar uma cerimônia de premiação dos melhores trabalhos que foram desenvolvidos na universidade. Então, não só os alunos eles publicam, como também podem competir, e assim nós poderemos homenagear aquilo que existe como critério fundamental da universidade, o critério meritório. Então, os melhores trabalhos serão premiados no encerramento dessa atividade”, destaca.

O Seminário Integrado da UFPI, conta com sua quarta edição. A professora ainda afirma que esse evento é um resumo que busca apresentar aos participantes todos os trabalhos que foram desenvolvidos por todas as unidades da Universidade Federal do Piauí.

“Esse é um momento que acontece anualmente, em que a comunidade tem a oportunidade de expor o trabalho que ela desenvolveu no decorrer do ano. Além disso, nós aproveitamos essa oportunidade para poder organizar centenas de mesas, palestras, minicursos, mostra de comunidades que são desenvolvidas com temáticas desde ensino à assistência comunitária, além dos colégios técnicos em todas as áreas do saber”, finaliza.

São trabalhos na área de pesquisa, trabalhos na área de extensão, pós-graduação, dissertações e teses. Deborah reitera que esse evento é de grande importância para a comunidade científica no Piauí e para o público interessado no tema.

Fonte: Assessoria de comunicação – FAPEPI

Continuar lendoFAPEPI participa de solenidade de abertura do IV Seminário Integrado da UFPI

FAPEPI participa de Seminário de Acompanhamento do Programa de Desenvolvimento da Pós-graduação no semiárido

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:11 de outubro de 2022
  • Reading time:5 mins read

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES realizou nesta sexta-feira (07) em João Pessoa o 1° Seminário de Acompanhamento dos projetos aprovados no âmbito do Edital nº 04/2021 – Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) – Apoio ao Desenvolvimento da Região Semiárida Brasileira, no formato presencial, entre os dias 6 e 7 de outubro de 2022, das 9h às 18h, no auditório do Sesc, Cabo Branco. O evento indicou as vocações e potencialidades identificadas na região semiárida em que se realiza o projeto e como se dará a formação de mestres e doutores e realização de pesquisas.

O representante do Piauí no evento foi o Presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), Antônio Cardoso do Amaral, que compareceu , em conjunto com os Coordenadores dos Programas de Pós-graduação (PPG) amparados pela instituição. Eles apresentaram seus projetos:

Bioprospecção de meios para produção in vitro de embriões caprinos e ovinos: uma necessidade biotecnológica para o semiárido piauiense;

Tecnologia sustentável para o semiárido piauiense: uso de bactérias promotoras de crescimento para otimizar o desenvolvimento, fisiologia e produtividade da palma forrageira para alimentação animal;

Do semiárido para o semiárido: desenvolvimento biotecnológico de hidrogéis superabsorvente provenientes de fontes vegetais para uso eficiente de água e de nutrientes.

Eixos Estratégicos

Os projetos aprovados tiveram Programas de Pós-Graduações (PPG’s) associados aos Eixos Estratégicos:  Agroindústria no Semiárido e Biotecnologia no semiárido.

As Bolsas que foram disponibilizadas a partir dos investimentos do edital correspondem, respectivamente:

  • 7 bolsas de mestrado;
  • 8 bolsas de doutorado;
  • 9 bolsas de pós-doutorado;

Ampliar o conhecimento, a produção científica e a adoção de inovações tecnológicas que contribuem para o desenvolvimento sustentável da região Semiárida é o foco do evento. O potencial de oferecer subsídios à criação de políticas públicas orientadas à transformação regional, a partir de suas potencialidades e oportunidades, e as ações e os resultados que contribuem para o desenvolvimento econômico e social do Semiárido a partir da geração e apropriação do conhecimento científico e tecnológico pela sociedade.

O intuito é o diálogo entre os participantes sobre a necessidade que as instituições têm de garantir à redução das assimetrias no Sistema Nacional de Pós-Graduação (SNPG), por meio da formação de recursos humanos de alto nível, valorização das vocações e potencialidades identificadas na região Semiárida do país e realização de pesquisas nos eixos estratégicos, que viabilizadas através de editais.

A programação teve início às 9 horas, e contou com as presenças da presidente da CAPES, Cláudia Mansani Queda de Toledo, Roberto Germano Costa. Confirmaram presença a diretora de Programas e Bolsas no País – Profa. Zena Martins, o coordenador-geral de Programas Estratégicos – Júlio Piffero, o coordenador de Programas Especiais da CAPES – Márcio de Castro; a coordenadora de Programas e Projetos da FAPESQ, Patrícia Costa; representantes das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa de vários estados, representantes de institutos de pesquisa do país e pesquisadores. Fazem parte da programação também as pesquisas desenvolvidas nos estados de Pernambuco, Bahia, Alagoas, Paraíba, Sergipe, com ações Inovadoras para valorização e sustentabilidade do Semiárido em seus estados.

Continuar lendoFAPEPI participa de Seminário de Acompanhamento do Programa de Desenvolvimento da Pós-graduação no semiárido

FAPEPI realiza Seminário de Boas Práticas de CT&I do Nordeste

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:23 de março de 2022
  • Reading time:2 mins read

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) participou do Seminário de Boas Práticas de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) do Nordeste, na sexta-feira passada (18), das 08 às 13 horas, através de videoconferência. O órgão teve como representantes os professores Ciro Sá e Rizalva Cardoso, da Diretoria de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (DDCT). A participação da FAPEPI se deu através da apresentação de dados sobre os avanços da instituição em fomento à ciência.


A FAPEPI também apresentou seu trabalho no incentivo à tecnologia e inovação no Estado do Piauí, junto a representantes das fundações de amparo à pesquisa, que compõem o Consórcio Nordeste. Foram apresentados além do mapa estratégico da FAPEPI, os programas, problemas, atores centrais e resultados dos editais vigentes e finalizados, como Inova Piauí, Centelha, Tecnova, Peiex e outros, que estimulam a inovação no território piauiense.
Após a apresentação, a FAPEPI recebeu elogios pela visão estratégica dos programas em focar, por exemplo, em políticas baseadas em evidências e gestão por resultados. Os representantes dos Estados trocaram experiências, discutiram melhorias e tiveram como desfecho elaborar relatório final com avanços, sugestões de melhoria e prospecções de trabalhos conjuntos para fortalecimento do Estados e do Nordeste.

Continuar lendoFAPEPI realiza Seminário de Boas Práticas de CT&I do Nordeste