FAPEPI apoia evento nacional de inovação

No próximo dia 02 de abril (sábado) acontece em todo o Brasil um grande encontro de colegas no ecossistema de inovação. Esse encontro de todas as redes terá hubs presenciais em todas as 27 capitais e em outras cidades em todo o país.

Em Teresina o encontro tem o apoio da FAPEPI e acontecerá no Sebraelab, das 10h00 às 12h00. Também será comemorado os 5 anos do Open Innovation BR.

O objetivo maior será revermos colegas e conhecermos mais gente que atua no ambiente de inovação. O encontro inclui conversas sobre como trabalhar em rede, inclusive reunindo redes e inciativas já existentes. 

Temas das conversas:

1 – Organização Social CajuinaTech e as perspectivas para 2022 – Ricardo Dantas;

2 – Fadex: Inovação e transferencia de tecnologia – Thiago Ravel;

3 – Polo de inovação do Piauí – Anderson Lobo;

4 – O papel do Sebrae no ecossistema de inovação do Piauí – Samuel Moraes

Inscrições em: https://bit.ly/37zo35i

Continuar lendoFAPEPI apoia evento nacional de inovação

Doutorado nos EUA: inscrições encerram dia 31 de março

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:6 de abril de 2022
  • Reading time:2 mins read

Nesta quinta-feira (31), termina o prazo para inscrições ao Programa CAPES-Fulbright de Doutorado Pleno nos EUA. Conforme o Edital nº 3/2022, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Os interessados podem se candidatar até às 17h, pelo Sistema de Inscrições da CAPES (Sicapes). São dez bolsas destinadas às áreas de Ciências Humanas, Sociais Aplicadas, Linguística, Letras e Artes. Os benefícios terão duração máxima de seis anos – três anos financiados pela CAPES e igual período pela instituição parceira – , com valores anuais de até US$55 mil.

O resultado preliminar deve ser divulgado até dia 31 de maio e as entrevistas acontecerão entre 04 e 15 de julho. Os pré-selecionados pela parte brasileira serão conhecidos até 30 de julho. O processo seletivo das universidades dos EUA começa em outubro. O resultado final será publicado até 15 de abril de 2023 e as atividades estão previstas para iniciarem entre agosto e dezembro do mesmo ano.

O Programa é uma cooperação com a Comissão para o Intercâmbio Educacional entre os Estados Unidos e o Brasil (Comissão Fulbright) que incentiva a formação de líderes para a pesquisa no Brasil e no mundo. Além de favorecer o acesso de pesquisadores brasileiros às universidades de excelência nos EUA e aumentar o nível de colaboração e publicações conjuntas entre pesquisadores de ambos os países, busca maior visibilidade internacional à produção científica, tecnológica e cultural brasileira.

Fonte: Redação – CCS/CAPES

Continuar lendoDoutorado nos EUA: inscrições encerram dia 31 de março

CNPQ abre inscrições para 42º Edição do Prêmio José Reis de Divulgação Científica e Tecnológica

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:6 de abril de 2022
  • Reading time:4 mins read

Estão abertas as inscrições para o Prêmio José Reis de Divulgação Científica e Tecnológica, promovido pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). Em sua 42ª edição, o Prêmio contempla profissionais e instituições que contribuem de forma significativa para a formação de uma cultura científica no país e para aproximar a ciência, a tecnologia e a inovação da sociedade. Nesta edição, a categoria é a de Pesquisador e Escritor.

Os interessados têm até o dia 6 de maio de 2022 para enviar sua inscrição, que deve ser feita por correspondência, com envio da documentação, portifólio e ficha de inscrição, disponível no site do Premio.

A premiação consiste em valor, em dinheiro, no total de R$ 20 mil e diploma, além de hospedagem e passagem aérea para o agraciado participar da 74ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que deve ocorrer em julho de 2022, em Brasília. Durante a programação da SBPC, o premiado com o Prêmio José Reis ministrará conferência sobre o conjunto dos seus trabalhos.

A divulgação do vencedor está prevista para 8 de junho deste ano.

Informações adicionais sobre o Prêmio e os documentos necessários à inscrição podem ser encontradas no Regulamento, no site do Prêmio.

 O Prêmio

O Prêmio José Reis tem três categorias, que se alternam a cada edição. Além de Pesquisador e Escritor, o Prêmio contempla também as categorias Jornalista em Ciência e Tecnologia e Instituição ou Veículo de Comunicação. A última premiação para a categoria Pesquisador e Escritor ocorreu na 39ª edição do Prêmio, em 2019. O vencedor, Marcelo Knobel, é bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq e  professor titular do Departamento de Física da Matéria Condensada, do Instituto de Física, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Antes dele, a premiada na categoria foi a pesquisadora Luisa Massarani, também bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq e coordenadora do Instituto Nacional de Comunicação Pública em Ciência e Tecnologia, sediado na Fundação Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro. Ela foi a vencedora da 36ª edição do Prêmio, em 2016.

Fonte: CNPQ

Continuar lendoCNPQ abre inscrições para 42º Edição do Prêmio José Reis de Divulgação Científica e Tecnológica

CAPES publica edital de seleção de copresidente da 13ª e 14ª edições do Bragfost

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:14 de março de 2022
  • Reading time:3 mins read

Está aberto até às 17h de 15 de abril o período de inscrições para o cargo de co-chair (copresidente) brasileiroda 13ª e 14ª edições do Simpósio Brasil-Alemanha em Fronteiras da Ciência e Tecnologia (Bragfost). As candidaturas devem ser apresentadas neste link. O profissional será responsável por organizar os eventos que acontecerão no biênio 2023-2024.

Os pré-requisitos para o cargo são vários, entre eles está a formação em Engenharias ou áreas afins, fluência em inglês, ter vínculo empregatício permanente com instituição de ensino superior pública ou privada sem fins lucrativos e ser doutor há menos de 15 anos. A CAPES repassará R$400 mil ao candidato aprovado, R$200 mil em cada ano. O auxílio financeiro inclui passagens, diárias, seguro-saúde e recursos para a realização dos seminários.

A Fundação publicará a relação das inscrições recebidas em até cinco dias úteis após o encerramento do prazo e analisará as candidaturas até maio. Haverá três dias úteis para recorrer em duas ocasiões: primeiro na etapa de análise e segundo na divulgação do resultado, prevista para até 15 de junho. Essas e outras informações constam no Edital nº13/2022, publicado na edição do dia 07 de março, do Diário Oficial da União.

Sobre o programa
Bragfost, parceria entre a CAPES e a alemã Fundação Alexander von Humboldt, é um simpósio binacional que ocorre alternadamente na Alemanha e no Brasil e reúne 60 cientistas dos dois países para discutir novas fronteiras de investigação, aprofundar os conhecimentos internacionais e debater seus desafios de maneira interdisciplinar.  A edição de 2023 será realizada no Brasil e a de 2024, na Alemanha.

Nota da edição:
A repetição do Brasil como país-sede do evento por dois anos seguidos (2022 e 2023) ocorre porque, em função da pandemia de COVID-19,  a edição de 2020 não se deu de forma presencial. O encontro foi, então, negociado para 2021; entretanto, não aconteceu. Deste modo, será feito este ano, 2022, seguindo o tratado no ano anterior. Sua sequência pelas regras naturais, fará com que o Brasil seja novamente sede em 2023 e a Alemanha em 2024, restaurando-se assim o calendário oficial do simpósio.

Fonte: Redação CCS/CAPES

Continuar lendoCAPES publica edital de seleção de copresidente da 13ª e 14ª edições do Bragfost

CAPES divulga 2ª edição do Prêmio Talento Universitário

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:2 de fevereiro de 2022
  • Reading time:3 mins read

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), divulga a segunda edição do Prêmio Talento Universitário. As inscrições podem ser realizadas até o dia 13 de fevereiro de 2022. O valor dos prêmios individuais serão de R$5 mil para os mil participantes com as maiores notas de prova. O objetivo da premiação é reconhecer o desempenho dos alunos com alto grau de desenvolvimento de competências cognitivas. As inscrições devem ser realizadas pelo site http://talentouniversitario.capes.gov.br. A prova terá 80 questões de múltipla escolha, todas sobre conhecimentos gerais, e será aplicada no dia 20 março. Os locais do exame serão divulgados a partir de 03 de março.

Pode participar quem fez o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019 ou 2020 e ingressou na educação superior em 2021. É preciso estar regularmente matriculado em curso de graduação, presencial ou a distância, em instituição de educação superior pública, privada ou militar. Outra exigência é não estar em débito com a CAPES, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) ou outras agências de fomento à pesquisa.

2º Prêmio CAPES Talento Universitário receberá até 44 mil inscrições. A premiação vai subsidiar estudos e pesquisas da CAPES para a formulação de políticas públicas para a educação superior. O resultado será divulgado a partir de abril. Confira as orientações aqui.

  • Requisitos:
  1. ter feito o Enem 2019 ou o Enem 2020;
  2. ter ingressado na educação superior em 2021;
  3. estar regularmente matriculado em curso de graduação, presencial ou a distância, em instituição de educação superior pública, privada ou militar;
  4. não estar em débito com a CAPES, o CNPq ou outras agências de fomento à pesquisa.
  • Previsão de divulgação dos locais de prova: A partir de 03 de março de 2022.
  • Aplicação de prova: 20 de março de 2022.
  • Estrutura da prova: 80 questões de múltipla escolha de conhecimentos gerais.
  • Resultado: A partir de abril de 2022.


Confira a página com os documentos aqui.

Fonte: Redação CCS/CAPES

Continuar lendoCAPES divulga 2ª edição do Prêmio Talento Universitário

Solenidade de posse dos membros do Fundo de Pesquisa e Desenvolvimento Técnico-Científico do Estado do Piauí (FUNDES)

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:20 de janeiro de 2022
  • Reading time:1 mins read

Aconteceu hoje na FAPEPI, de forma híbrida, a solenidade de posse dos membros do Fundo de Pesquisa e Desenvolvimento Técnico-Científico do Estado do Piauí (FUNDES), que é destinado a fornecer recursos para financiar a pesquisa, inovação e o desenvolvimento científico e tecnológico com vistas a promover o desenvolvimento econômico e social do estado do Piauí e suas potencialidades.
Secretariado pela FAPEPI, O FUNDES tem seu Conselho Diretor representantes da SEFAZ, Assembléia Legislativa, EMBRAPA, SEBRAE, SDR, FAEPI, CEPRO, com mandato honorífico de 02 anos, permitida recondução por igual período; e, devem reunir-se para discussões sobre melhorias e investimentos à ciência e inovação no Piauí.

Continuar lendoSolenidade de posse dos membros do Fundo de Pesquisa e Desenvolvimento Técnico-Científico do Estado do Piauí (FUNDES)

Confap abre Chamada Transnacional Conjunta: ERAPerMed 2022

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:17 de janeiro de 2022
  • Reading time:4 mins read

ERAPerMed é uma iniciativa co-financiada pela Comissão Europeia (CE), no âmbito do programa de fomento à Pesquisa & Inovação – Horizon 2020 (ERA-Net Cofund), apoiada por 32 parceiros, de 23 países, incluindo o Brasil.

Com o tema “Prevenção em Medicina Personalizada” esta é a quinta Chamada Transnacional Conjunta ERAPerMed, que apoiará projetos colaborativos de pesquisa e inovação, com duração de três anos. O objetivo geral da chamada é o desenvolvimento de estratégias específicas para a prevenção de doenças e progressão das doenças, em três níveis:

a) medidas preventivas diminuindo a taxa de incidência (prevenção primária);

b) detecção precoce para aumentar a eficácia de terapias preventivas, mesmo antes do desenvolvimento de sintomas (prevenção secundária);

c) intervenções para prevenir a recorrência da doença ou melhorar o atendimento e a qualidade de vida dos pacientes (prevenção terciária).

O orçamento aproximado para esta chamada é de 29 milhões de euros. Cada agência de fomento possui orçamento e regras de elegibilidade próprias. Pesquisadores brasileiros podem submeter propostas por meio das *Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAPs) que aderiram à Chamada ERAPerMed 2022.

Fundações de Amparo à Pesquisa, como a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), ainda podem aderir à Chamada ERAPerMed 2022; o orçamento alocado por cada FAP é detalhado no “Guidelines for Applicants” no site da chamada. 

Cronograma:

– Publicação da chamada: 1º de dezembro 2021. 

– Prazo para envio de pré-propostas: 17 de fevereiro de 2022.

– Prazo para envio de propostas completas: 14 de junho de 2022.

– Os projetos aprovados podem ter início no final de 2022 ou início de 2023.

Clique aqui e acesse o Edital (em inglês) e os Formulários da Chamada Transnacional Conjunta EraPerMed 2022.

Mais informações

– Questões gerais e técnicas sobre a chamada podem ser esclarecidas com o Ponto de Contato Nacional do CONFAP: Elisa Natola (elisa.confap@gmail.com)

– Questões de elegibilidade e modalidades de participação via Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAPs) podem ser esclarecidas com os Pontos de Contato das Fundações que aderiram à chamada (consulte aqui).

Fonte: Confap

Continuar lendoConfap abre Chamada Transnacional Conjunta: ERAPerMed 2022

Segunda edição do Centelha Piauí será lançado pela FAPEPI em 2022

  • Post author:
  • Post category:NotíciaSem categoria
  • Post last modified:17 de dezembro de 2021
  • Reading time:5 mins read

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) executa o programa Centelha com a colaboração do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), do Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) e da Fundação CERTI.

O Programa Centelha visa estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura empreendedora no Piauí, por meio de capacitações, recursos financeiros e suporte para transformar ideias em negócios de sucesso. Em maio de 2020, foi lançado o primeiro edital onde 276 ideias foram submetidas, 821 empreendedores participaram das capacitações e 21 startups foram apoiadas. Cada startup recebeu um investimento de até 60 mil reais. No início de 2022 será lançado o edital da segunda edição do programa objetivando a captação de mais ideias inovadoras.

Um exemplo de sucesso da primeira edição é a startup EcoBfit.  A empresa produz alimentos a partir do coco babaçu, derivado de estudos desenvolvidos pela nutricionista e doutorando em Biotecnologia, Lindalva de Moura Rocha. Com a execução do programa Centelha Piauí, a pesquisadora fez uso de suas pesquisas, apresentando uma proposta inovadora para o edital da primeira edição do Centelha Piauí. E com o apoio aprimorou o resultado das suas pesquisas para serem produtos comercializados.  

Estande da EcoBfit na Expoapi

“O edital nos proporcionou transformar objeto que estava no campo acadêmico em produtos resolutivos que atende as necessidades do mercado e a ter uma visão mais ampla através das capacitações que nos deram suporte para desenvolver a startup. O programa oferece muitas capacitações que são cruciais para qualquer empreendedor desenvolver a sua proposta para ser submetida no edital. Com fomento do capital semente proveniente do Centelha, nós abrimos o CNPJ e desde então estamos realizando a execução do projeto”,  Explica Lindalva.

 EcoBfit desenvolve produtos alimentícios para o público geral e com restrições alimentares acessando um grande mercado consumidor, que de acordo com a Organização Mundial de Saúde(OMS), cerca de 70% da população mundial tem algum tipo de restrição alimentar relacionada à lactose. 

Por esse motivo, a pesquisadora participou também do Programa de Qualificação para Exportação(PEIEX) executado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) com apoio Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). No PEIEX a EcoBfit foi qualificada para realizar o processo de exportação de seus produtos de forma planejada e segura. As empresas qualificadas pelo programa se tornam aptas a participarem de ações internacionais de promoção comercial organizadas pela Apex-Brasil e seus parceiros.

“Aquele pesquisador que desenvolve uma pesquisa que tem um grau de inovação e resolutividade procure o edital Centelha pois ele é uma oportunidade para toda pessoa que tem projetos que resolvem as dores da sociedade. Procure o site da FAPEPI e o programa Centelha, participe das mentorias, capacitações, leiam o edital atentamente e procurem participar pois ele é uma capital semente muito importante para desenvolver novos negócio”, destaca Lindalva Rocha.

Em 2022 será lançado o edital Centelha 2 onde mais empreendedores terão oportunidade de serem apoiados pelas capacitações, mentorias e receber investimentos financeiros ofertados pelo projeto que apoiará 61 novas startups.

Cada um dos projetos selecionados receberá até R$ 53 mil para desenvolver o modelo de negócio, até R$ 26 mil em bolsas e nove meses de capacitação. O prazo de execução dos projetos será de 12 meses após a data da contratação. Podem submeter propostas, pessoas maiores de 18 anos ou maiores de 16, se emancipadas. Desta vez, o edital permite a participação de servidores públicos, desde que não haja choque com a legislação da instituição empregadora.

O investimento global para a segunda edição do Centelha Piauí totaliza R$ 4,8 milhões, sendo R$ 2 milhões do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (concedidos através da Financiadora de Estudos e Projetos –  Finep), R$ 666 mil em contrapartida da FAPEPI, R$ 586 mil da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) e R$ 1,5 milhão em bolsas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Continuar lendoSegunda edição do Centelha Piauí será lançado pela FAPEPI em 2022

Chamada Pública MCTI/FINEP – Doenças Negligenciadas, Tropicais e transmitidas por Vetores e outras doenças com populações desassistidas

  • Post author:
  • Post category:NotíciaSem categoria
  • Post last modified:15 de dezembro de 2021
  • Reading time:9 mins read

A Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) divulgou chamada pública para concessão de recursos financeiros para amparo de pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação, em projetos que envolvam risco tecnológico para o diagnóstico e tratamento de pessoas com Doenças Negligenciadas, Tropicais e transmitidas por Vetores (DNTs) e outras doenças infecciosas afetando populações negligenciadas. O objetivo do edital é reduzir a incapacidade causada por essas doenças, além de contribuir para a melhoria da qualidade de vida das pessoas e seus familiares e também melhorar o acesso aos serviços de saúde. O prazo para submissão de proposta será até às 17h00 (horário de Brasília) do dia 11 de março de 2022. Os interessados devem acessar o formulário eletrônico para o preenchimento de sua proposta, destacando claramente o produto, processo ou serviço inovador a ser feito com os recursos solicitados.

A execução do projeto deverá ser de no máximo três anos (36 meses), podendo ser prorrogado, justificadamente, a critério da Finep. O valor total solicitado pelas propostas à Finep deverá enquadrar-se dentro dos seguintes valores mínimos e máximos, em cada proposta:

Linha temática 1 – O valor solicitado para execução das propostas deverá ser de R$ 500.000,00 até R$ 1.000.000,00. Na Linha temática 2 o valor poderá ser de R$ 1.000.000,00 até R$ 4.000.000,00; e na Linha temática 3 esse valor deverá ser entre R$ 1.000.000,00 até R$ 3.000.000,00.  

Serão selecionados projetos de inovação nas demandas específicas descritas abaixo e será contratado o primeiro colocado de cada subtema para apoio com os recursos a serem concedidos.

Linha temática 1 – Demandas Específicas

Doença de Chagas 

  • Desenvolvimento de teste diagnóstico para identificação da viabilidade do protozoário em amostras de alimentos contaminados por Trypanosoma cruzi (T. cruzi). Objetivo: Apoiar estudos de desenvolvimento e/ou padronização de métodos diagnósticos, aplicáveis à implementação no SUS, que permitam responder às lacunas sobre: 
    • a viabilidade de formas infectantes de T. cruzi em alimentos; 
    • tratamentos consistentes nos alimentos para eliminar esta possível chance de transmissão oral da doença ao homem; 
    • compreender a variabilidade genotípica envolvida na transmissão oral do T. cruzi. 
  • PCR para diagnóstico da doença de Chagas. Objetivo: Apoiar estudos de avaliação de métodos, para padronização e validação da PCR para diagnóstico confirmatório da doença Chagas, com diferenciação da fase diagnosticada (aguda ou crônica), a partir de kits com registro na ANVISA.

Leishmaniose 

  • Avaliação da eficácia e segurança do Complexo Lipídico de Anfotericina B no tratamento das Leishmanioses Visceral e Tegumentar. Objetivo: Apoiar estudos de Fase III para avaliação da eficácia e segurança do Complexo Lipídico de Anfotericina B no tratamento das Leishmanioses Visceral e Tegumentar, objetivando a ampliação do uso deste medicamento para o tratamento de pessoas com diagnóstico de leishmanioses no âmbito do SUS. 

Leishmaniose tegumentar 

  • Avaliação de técnicas imunológicas para diagnóstico de leishmaniose tegumentar. Objetivo: Apoiar o desenvolvimento de estudos para validar técnicas imunológicas com kits comerciais, registrados na Anvisa, para diagnóstico da leishmaniose tegumentar. 

Paracoccidioidomicose 

  • Dispositivo Point-of-care para diagnóstico sorológico da Paracoccidioidomicose. Objetivo: apoiar estudos em fases avançadas para desenvolvimento e/ou validação de um teste comercial point-of-care para diagnóstico e/ou prognóstico de Paracoccidioidomicose. 

Tuberculose pediátrica 

  • Desenvolvimento de testes diagnósticos para tuberculose pediátrica. Objetivo: apoiar estudos para desenvolvimento, adaptação e/ou validação de testes para diagnóstico rápido de tuberculose em pessoas com até 10 anos de idade, utilizando amostras de fezes, urina, sangue ou outras de fácil obtenção (exceto escarro). 

Hanseníase 

  • Desenvolvimento de teste rápido para Hanseníase paucibacilar e multibacilar. Objetivo: Apoiar estudos que contemplem o desenvolvimento e/ou a validação de um teste para o diagnóstico ou apoio ao diagnóstico precoce dos casos suspeitos de hanseníase e o desenvolvimento de testes diagnósticos para a hanseníase com possibilidade de uso em contatos de caso confirmado, incluindo testes no ponto de atendimento (Point-of-Care Testing) considerando a possibilidade de uso no SUS. 

Toxoplasmose congênita

  • Apresentação pediátrica de Sulfadiazina e Pirimetamina para o tratamento de toxoplasmose congênita. Objetivo: Apoiar estudos de elaboração de apresentações pediátricas do esquema terapêutico para tratamento de toxoplasmose congênita destinados ao SUS e realizados conforme normativas para futuro registro junto à Anvisa.   

Linha temática 2 – Complexo Industrial da Saúde

Leishmaniose 

  • Desenvolvimento nacional da formulação do medicamento Antimoniato de Meglumina 300 mg/mL na forma de solução injetável. Objetivo: apoiar o parque farmacêutico nacional a fim de estimular o desenvolvimento do Complexo Industrial da Saúde e atender necessidades da assistência farmacêutica dos usuários do SUS. 2.2.2 Toxoplasmose Desenvolvimento nacional da formulação pediátrica dos medicamentos Espiramicina 1.500.000 UI e Sulfadiazina + Pirimetamina + Ácido Folínico, em atendimento às demandas do SUS. 

Hanseníase 

  • Desenvolvimento nacional da formulação associada de comprimido de Clofazimina + Dapsona, em atendimento às demandas do SUS. Objetivo: apoiar o parque farmacêutico nacional a fim de estimular o Complexo Industrial da Saúde no desenvolvimento de formulações voltadas ao atendimento dos pacientes portadores da Hanseníase. 

Febre Maculosa Brasileira 

  • Desenvolvimento nacional da apresentação pediátrica de doxiciclina 100 mg, solução injetável, do esquema terapêutico para tratamento da febre maculosa, em atendimento às demandas do SUS. Objetivo: apoiar o parque farmacêutico nacional a fim de estimular o Complexo Industrial da Saúde no desenvolvimento de formulações voltadas ao atendimento das necessidades de pacientes pediátricos.

Tratamento Oncológico 

  • Desenvolvimento nacional da formulação do medicamento Bussulfano, para pacientes que necessitam de transplante de medula óssea, em atendimento às demandas do SUS. Objetivo: apoiar o parque farmacêutico nacional a fim de estimular o Complexo Industrial da Saúde no desenvolvimento de formulações voltadas ao atendimento dos pacientes que necessitam de transplante de medula óssea. 

Linha temática 3 – Inovação em Diagnóstico e Abordagem terapêutica de DNTs

  • Estudos clínicos para a descoberta e validação de biomarcadores para diagnóstico e prognóstico de DNTs, incluindo estudos observacionais que contribuam diretamente para apoiar esses estudos clínicos;
  • Desenvolvimento e/ou validação de testes diagnósticos para DNTs, incluindo testes no ponto de atendimento (Point of Care Testing);
  • Desenvolvimento de ensaios de diagnóstico multiplex (que permitam a detecção de duas ou mais DNTs em um único ensaio);
  • Desenvolvimento de ferramentas de tecnologia da informação para uso em telemedicina, incluindo Teleconsulta e Telediagnóstico de pacientes com DNTs;
  • Desenvolvimento de novas terapias para prevenção e tratamento de DNTs, incluindo as etapas de descoberta de moléculas e de desenvolvimento pré-clínico;
  • Estudos de reposicionamento de drogas e medicamentos biológicos para DNTs;
  • Desenvolvimento de novas formulações farmacêuticas com o objetivo de aumentar o acesso a tratamentos existentes para DNTs, incluindo pacientes pediátricos e pacientes graves com limitações em tratamentos orais;
  • Estudos de implementação, acesso e logística às tecnologias em saúde para o tratamento de pacientes com DNTs.

Para saber mais acesse a Página da Finep ou o Edital da Chamada Pública.

Fonte: Finep

Continuar lendoChamada Pública MCTI/FINEP – Doenças Negligenciadas, Tropicais e transmitidas por Vetores e outras doenças com populações desassistidas

Edital de Apoio à Editoração e Publicação de periódicos vai até dia 22 de dezembro

  • Post author:
  • Post category:NotíciaSem categoria
  • Post last modified:11 de janeiro de 2022
  • Reading time:2 mins read

Com o objetivo de apoiar a consolidação e a qualificação dos periódicos científicos vinculados às instituições sediadas no estado do Piauí, a FAPEPI mantem aberto até o dia 22 de dezembro o edital de número 008/2021.

Os periódicos devem estar enquadrados no sistema Qualis Periódicos da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). A chamada ainda contempla periódicos novos indexados, com, pelo menos, dois números publicados de forma regular até a data da inscrição

O edital é parte do Programa de Apoio à Participação e Realização de Eventos Científicos, de Divulgação Científica e Tecnológica (PAP-Divulgação Científica). O objetivo do programa é promover a produção de conhecimentos, transferência tecnológica e a inovação em prol do desenvolvimento do estado do Piauí.

Estão habilitados os periódicos promovidos por Instituições de Ensino Superior Públicas (IES), Instituições de Ciência, Tecnologia e Inovação (ICTIs) e Entidades Científicas de natureza pública e privadas sem fins lucrativo, sediadas no Piauí, de acordo com as regras do Edital.

Confira o edital.

Continuar lendoEdital de Apoio à Editoração e Publicação de periódicos vai até dia 22 de dezembro