FAPEPI apresenta oportunidades de internacionalização em evento na UFPI

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:25 de novembro de 2022
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) participou na última quarta-feira (23) da mesa “A Institucionalização da internacionalização” durante a programação do VI Ciclo de Palestras da Pós-Graduação (CP-PRPG) da Universidade Federal do Piauí (UFPI). No evento, a FAPEPI apresentou oportunidades de internacionalização que são mediadas pela Fundação.

Durante a sua fala, o presidente da FAPEPI, Antonio Amaral, destacou a importância da Internacionalização para o fortalecimento da pós-graduação. “Estamos felizes em poder participar deste evento e destacar as opções que a FAPEPI oferece para o campo da interncionalização, que é tão importante para os programas de pós-graduação”, afirmou.

O Ciclo de Palestras é parte integrante dos Seminários Integrados da Universidade Federal do Piauí (SIUFPI), que acontecem  de 22 de novembro a 1 de dezembro, com diversos eventos simultâneos e tem o amparo da FAPEPI. Com o tema “Despertar a ciência para as novas gerações”, o objetivo dos múltiplos eventos é difundir o benefício da ciência na vida cotidiana e reconhecer seu valor como critério norteador de políticas públicas.

A programação inclui conferências, palestras, oficinas, minicursos e painéis, por meio dos quais será possível conhecer trabalhos e projetos desenvolvidos por alunos e professores de graduação, pós-graduação e colégios técnicos nas áreas de ensino, pesquisa e extensão.

Clique aqui para ter acesso ao slide apresentado pela FAPEPI durante o evento.

Clique aqui e acesse a página do SIUFPI 2022.

Continue lendoFAPEPI apresenta oportunidades de internacionalização em evento na UFPI

FAPEPI divulga resultado da 2ª fase do CENTELHA II PIAUÍ

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:22 de novembro de 2022
  • Tempo de leitura:2 minutos de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), divulga nesta terça-feira (11) o Resultado da 2ª Fase do Edital nº002/2022 – Centelha II Piauí.

O Programa é promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), operada pela Fundação CERTI e executada no Piauí pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado (FAPEPI).

O Diretor de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (DDCT) da FAPEPI, Ciro Gonçalves Sá, ressalta que nessa segunda etapa foram selecionados 100 projetos para desenvolvimento de empreendimentos inovadores.

Como funciona

O Programa Centelha visa estimular a criação de empreendimentos inovadores, a partir da geração de novas ideias, e disseminar a cultura do empreendedorismo inovador em todo território nacional, incentivando a mobilização e a articulação institucional dos atores nos ecossistemas locais, estaduais e regionais de inovação do país.

No endereço eletrônico, é possível obter mais informações sobre o programa e seu edital detalhado em todos os estados. 

“É importante destacar que, a partir de agora, os 200 projetos aprovados na primeira fase terão uma nova concorrência, e deverão novamente submeter seus projetos, identificando quais são as características importantes para um empreendimento de sucesso; como eles pretendem ganhar dinheiro a partir da sua ideia; e como o projeto será desenvolvido ao longo do Programa Centelha”, finaliza Ciro.

Continue lendoFAPEPI divulga resultado da 2ª fase do CENTELHA II PIAUÍ

Últimos dias para inscrição na Chamada Pública ERC-CONFAP-CNPQ 2022

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:22 de novembro de 2022
  • Tempo de leitura:5 minutos de leitura

O Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (CONFAP) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) convidam pesquisadores do Brasil a buscar colaborações de pesquisa com pesquisadores doutores já apoiados por subsídios do Conselho Europeu de Pesquisa (ERC) financiados pela UE. A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), receberá as propostas das candidaturas elegíveis no estado do Piauí, e apoiará com suporte financeiro para a viagem de intercâmbio do pesquisador. O prazo máximo para submissão de propostas será até dia 15 de dezembro de 2022.

A chamada é lançada a partir dos acordos de implementação estabelecidos entre a Comissão Europeia e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (CONFAP) para fornecer oportunidades de pesquisa na Europa para pesquisadores brasileiros, assinado em 13 de outubro de 2016. A chamada também é resguardada pelo Acordo Administrativo entre a Comissão Europeia, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (CONFAP), referentes aos mecanismos de apoio à cooperação UE-Brasil em atividades de pesquisa e inovação, assinados em 19 de novembro de 2021. 

Os pesquisadores elegíveis do Brasil

Podem submeter propostas os pesquisadores ativos no Brasil, detentores de título de doutorado, que estejam implementando atividades de pesquisa dentro de universidades, institutos ou centros de pesquisa brasileiros.

Os projetos financiados pelo ERC, buscando acolher os pesquisadores brasileiros, cobrem uma vasta gama de áreas científicas e foram selecionados pela Comissão Europeia e pelo ERC, nos seguintes painéis de avaliação:

  • Biologia Molecular e Estrutural e Bioquímica
  • Genética, Genômica, Bioinformática e Biologia de
  • Sistemas
  • Biologia Celular e do Desenvolvimento
  • Fisiologia, Fisiopatologia e Endocrinologia
  • Neurociências e Distúrbios neurais
  • Imunidade e Infecção
  • Ferramentas Diagnósticas, Terapias e Saúde Pública
  • Biologia Evolutiva, Populacional e Ambiental
  • Ciências da vida aplicadas e biotecnologia não médica
  • Matemática
  • Constituintes Fundamentais da Matéria
  • Física de matéria condensada
  • Ciências Químicas Físicas e Analíticas
  • Química Sintética e Materiais
  • Ciência da Computação e Informática
  • Engenharia de Sistemas e Comunicação
  • Engenharia de Produtos e Processos
  • Ciências do Universo
  • Ciência do Sistema Terrestre
  • Mercados, Indivíduos e Instituições
  • Instituições, Valores, Crenças e Comportamento
  • Meio Ambiente, Espaço e População
  • A mente humana e sua complexidade
  • Culturas e Produção Cultural
  • O estudo do passado humano
  • Sinergia

Os pesquisadores elegíveis deverão acessar o portal on-line, disponível no link, para realizar as inscrições e envio dos documentos exigidos no edital. 

Para mais informações, assistência e suporte entre em contato através do e-mail disponível.

Mais informações sobre “equipes do ERC abertas ao mundo” acesse o link disponível.

Fonte: CONFAP

Continue lendoÚltimos dias para inscrição na Chamada Pública ERC-CONFAP-CNPQ 2022

UAPI incentiva piauienses a gerenciar seu próprio negócio

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:22 de novembro de 2022
  • Tempo de leitura:4 minutos de leitura

“Estamos concluindo agora a graduação de Bacharelado em Administração pela UAPI e isso tem feito a diferença no meu negócio. Eu tenho uma empresa de prestação de serviços e o curso me ajudou muito”, disse Kátia Brito, do polo de Vila Nova do Piauí, distante 377 km da capital. Ela e mais de 500 estudantes estão aptos e em processo de conclusão da graduação ofertada pela Universidade Aberta do Piauí (UAPI). A solenidade de formatura tem previsão de acontecer no mês de dezembro em um formato híbrido para fechar o primeiro ciclo da ação, que integra o processo de universalização do ensino superior do estado.  

Kátia explica que conhecer a universidade à distância deu a oportunidade dela se capacitar sem precisar sair do seu município. A facilidade e a descentralização do ensino superior no estado têm dado oportunidade aos cidadãos de se capacitarem e terem conhecimentos para gerenciar suas pequenas empresas.

“Eu conheci a UAPI através de uma rede de comunicação e de um primo meu, que já tinha feito uma graduação na UESPI. Ele me falou que tinha aberto o vestibular e fez minha inscrição para a UAPI. Eu passei no vestibular e agora estou bem perto de concluir a graduação. A minha experiência com a UAPI foi maravilhosa”, disse a futura administradora.  

Ela conta que já tinha um negócio no ramo de prestação de serviços gerais e mão de obra e os conhecimentos adquiridos durante o curso ajudaram a melhorar a forma de gerir seu negócio “principalmente na parte financeira”. Além disso, ela aprendeu mais sobre as particularidades do empreendedorismo e o melhor de tudo foi não precisar sair da sua cidade para obter esse conhecimento.  

A Superintendente de Ensino Superior (SUPES) da Seduc, Lourdes Lopes, explica que a meta do estado é justamente a de ofertar não apenas um curso superior, mas uma graduação que oferecesse condições do cidadão promover o desenvolvimento local.  

“O foco do empreendedorismo é o pilar principal desse curso. A união de esforços entre as instituições envolvidas ajuda a promover um estado mais forte e com pessoas capazes de ter um protagonismo não só em suas vidas, mas na localidade onde moram. Muitos deles têm seu negócio próprio e outros estão tendo essa vontade de empreender a partir dessa visão que o curso tem dado”, explicou a superintendente.  

OFERTA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DA UAPI

A parceria entre Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Universidade Estadual do Piauí (Uespi) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi) tem o objetivo de universalizar o Ensino Superior em todo o Piauí e promover qualidade por meio da educação à distância, um dos eixos do PRO Piauí Educação. A UAPI iniciou ainda em 2017 com a primeira etapa e a abertura de 60 polos; em 2018, a segunda etapa com mais 60 polos; e a terceira etapa mais 63 polos totalizando 183 cidades piauienses.  

Atualmente é ofertado o curso de Administração, mas o Governo do Estado já estuda a ampliação e a possibilidade de oferta de novos cursos com Projeto de Lei 39/2020 que cria o Programa Universidade Aberta do Piauí (UAPI). Tudo vem sendo acompanhado pela Superintendência de Ensino Superior da Seduc, que dá todo o suporte e gerência as ações, visando garantir informação e qualidade aos cidadãos que desejam ingressar no ensino superior sem precisar sair de suas cidades.

Fonte: Seduc/PI

Continue lendoUAPI incentiva piauienses a gerenciar seu próprio negócio

Estudantes UAPI 1ª etapa estão em fase de conclusão para formatura

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:22 de novembro de 2022
  • Tempo de leitura:5 minutos de leitura

Na reta final para concluírem a graduação em Administração, os estudantes da primeira etapa da Unidade Aberta do Piauí (UAPI) já se preparam para a colação de grau, com previsão de acontecer em dezembro deste ano. A junção de vagas em instituições públicas coloca o Piauí em destaque na universalização do ensino superior e, somente com a UAPI, já são 183, dos 224 municípios, que ofertam a graduação com foco no empreendedorismo.  

Os perfis dos estudantes se misturam a muitas histórias de começos e recomeças na área profissional. De norte a sul do Piauí as histórias se cruzam com o propósito de promover não apenas o desenvolvimento social, mas o local. A estudante Vilamara Ferreira de Araújo, 41 anos, mora em Jardim do Mulato, 140 km da capital, mas estuda em Santo Antônio dos Milagres, poucos mais de 10 km de distância da cidade onde mora. Ela conta que o seu sorriso é marca registrada e ela levavá seu otimismo para os encontros das aulas presenciais da UAPI.  

“Sou assistente social e supervisora do programa Criança Feliz, do município de Jardim do Mulato. Trabalhei 20 anos em uma empresa, num minimercado aqui no nosso município mesmo onde eu fazia de tudo. Mas, a maior parte do que eu fazia nessa empresa era na parte administrativa. Eu fazia coleta de dados, de notas fiscais, emitia notas fiscais, eu fechava caixa e foi nessa parte administrativa que eu mais me identifiquei e eu gostava muito de fazer. Foi aí onde eu me identifiquei com a administração”, contou ela, explicando por que resolveu começar uma nova graduação na área.  

Além disso, a futura administradora conta que ficou sabendo da UAPI em 2017 através de uma amiga, que tratou de ajudar e providenciou sua inscrição. “Minha amiga Elizângela tomou de conta. Ela fez a minha inscrição e a dela. Eu separei os assuntos para estudar e estudei”, disse ela, falando que um dia antes das provas da UAPI o falecimento de uma tia quase fez com que ela perdesse a prova que, na ocasião, iria acontecer no município de Água Branca. “No dia velório eu virei a noite e alguém disse que iria descansar, pois teria uma prova para curso de Administração da UAPI e foi aí que lembrei que eu também faria a prova”. 

A Vilamara é só felicidade. Já na reta final, após 4 anos de um sonho em forma de conhecimento adquirido, a futura administradora agora possuirá duas graduações e pretende seguir a carreira através de concursos públicos, mas também tem a ideia de ter um negócio próprio. Um dos focos principais do curso de Administração da UAPI é justamente o empreendedorismo para promover o desenvolvimento local e fazer com que os cidadãos piauienses explorem as potencialidades locais.  

OFERTA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DA UAPI     

A parceria entre Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Universidade Estadual do Piauí (Uespi) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi) tem o objetivo de universalizar o Ensino Superior em todo o Piauí e promover qualidade por meio da educação à distância, um dos eixos do PRO Piauí Educação. A UAPI iniciou ainda em 2017 com a primeira etapa e a abertura de 60 polos; em 2018, a segunda etapa com mais 60 polos; e a terceira etapa mais 63 polos totalizando 183 cidades piauienses.     

Atualmente é ofertado o curso de Administração, mas o Governo do Estado já estuda a ampliação e a possibilidade de oferta de novos cursos com Projeto de Lei 39/2020 que cria o Programa Universidade Aberta do Piauí (UAPI). Tudo vem sendo acompanhado pela Superintendência de Ensino Superior da Seduc, que dá todo o suporte e gerência as ações, visando garantir informação e qualidade aos cidadãos que desejam ingressar no ensino superior sem precisar sair de suas cidades.

Fonte: Seduc/PI

Continue lendoEstudantes UAPI 1ª etapa estão em fase de conclusão para formatura

CNPq lança nova chamada do Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:17 de novembro de 2022
  • Tempo de leitura:2 minutos de leitura

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) lançou, nesta quarta, 16, a Chamada Pública CNPq nº 68/2022 – Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI, que visa à concessão de bolsas de doutorado, mestrado e iniciação tecnológica em projetos a serem apresentados pelas Instituições Científicas, Tecnológicas e de Inovação  – ICTs. Os investimentos totais previstos pela chamada são de R$ 50 milhões e a submissão de propostas vai até 2 de janeiro de 2023.

Programa MAI/DAI busca fortalecer a pesquisa, o empreendedorismo e a inovação nas ICTs, por meio do envolvimento de estudantes de graduação e pós-graduação em projetos de interesse do setor empresarial, mediante parceria com empresas.

Desde 2013, quando estabeleceu de forma pioneira o Programa de Doutorado – DAI, o CNPq tem lançado regularmente Chamadas Públicas, com o objetivo de consolidar essa ação.

A partir de 2020, com o lançamento da Chamada CNPQ nº 12/2020 – Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI, o CNPq amplia o escopo do Programa, ao incluir a participação de estudantes de mestrado e de graduação nos projetos apoiados.

Clique aqui e acesse o texto completo da Chamada Pública CNPq nº 68/2022 – Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI.

Fonte: CNPq

Continue lendoCNPq lança nova chamada do Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI

Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência realiza evento sobre a Ciência no Piauí

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:7 de novembro de 2022
  • Tempo de leitura:4 minutos de leitura

A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) – Representação Piauí, em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa no Piauí (FAPEPI) realizarão um encontro no dia 8 de novembro, das 9h às 18h, no Auditório do Centro de Tecnologia (CT) da Universidade Federal do Piauí, Campus Universitário Ministro Petrônio Portella.

A abertura do evento, que traz como tema “A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e a Ciência no Piauí”, contará com a presença do presidente da SBPC, Renato Janine Ribeiro, como conferencista, e dos reitores da UFPI e da UESPI, Gildásio Guedes e Evandro Alberto, respectivamente.

Confira a programação:

A SBPC é uma entidade civil, sem fins lucrativos ou posição político-partidária, voltada para a defesa do avanço científico e tecnológico, e do desenvolvimento educacional e cultural do Brasil. Fundada em 1948, exerce um papel importante na expansão e no aperfeiçoamento do sistema nacional de ciência e tecnologia, bem como na difusão e popularização da ciência no País.

Com sede em São Paulo, a SBPC está presente nos demais estados brasileiros por meio de Secretarias Regionais. Representa mais de 160 sociedades científicas afiliadas e mais de 5 mil sócios ativos, entre pesquisadores, docentes, estudantes e cidadãos brasileiros interessados em ciência e tecnologia.

Anualmente, a SBPC realiza diversos eventos, de caráter nacional e regional, com o objetivo de debater políticas públicas de C&T e difundir os avanços da ciência. Por meio das Secretarias Regionais, são realizadas ainda outras atividades de difusão científica. A entidade também contribui para o debate permanente das questões relacionadas à área por meio de diversas publicações, como o Jornal da Ciência, a revista Ciência e Cultura, o portal na internet, e a edição de livros sobre temas diversos relacionados à ciência brasileira.

Para inscrições e mais informações, acesse o site do evento.

Continue lendoSociedade Brasileira para o Progresso da Ciência realiza evento sobre a Ciência no Piauí

FAPEPI realiza oficina de orientações para segunda fase do Centelha II Piauí

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:27 de outubro de 2022
  • Tempo de leitura:2 minutos de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) realizou nesta quinta-feira (20), oficina de orientações para a fase 2 do Programa Centelha II Piauí.

O evento ocorreu na modalidade presencial e também foi transmitido através da plataforma Youtube. Para assistir a oficina acesse o link.

Confira o carrossel de fotos abaixo do evento.

Continue lendoFAPEPI realiza oficina de orientações para segunda fase do Centelha II Piauí

CNPq lança Chamada Pública para parcerias com Pessoas Jurídicas de Direito Privado

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:25 de outubro de 2022
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) divulga a Chamada Pública para submissão de propostas de Pessoas Jurídicas de Direito Privado interessadas em apoiar ações e projetos de pesquisa científica, tecnológica e de inovação por meio de parcerias, nas seguintes linhas de interesse.

O envio das propostas ao CNPq deverá ser feito ao endereço eletrônico sespi@cnpq.br, com o assunto “Chamamento Público”, até a data limite de 30/12/2022.

• As propostas devem atender a alguns dos seguintes temas:

• Apoio ao desenvolvimento de projetos científicos, tecnológicos e de inovação;

• Formação e qualificação de pessoas para a pesquisa e inovação, no país e/ou no exterior;

• Apoio e ações de prêmios, de divulgação científica, tecnológicas e de inovação; e
Formação de redes de cooperação entre instituições Científicas, Tecnológicas e de Inovação (ICTS) e empresas/indústrias, no país e/ou no exterior.

Nas parcerias que envolver recursos financeiros para as ações a serem desenvolvidas, esses serão aportados pela empresa proponente, não havendo limite pré-estabelecido a ser investido.

Benefícios

• Atuação em abrangência nacional com a credibilidade do CNPq.

• Participação na agenda de pesquisa nacional.

• Fomento a ações e projetos de pesquisa científica, tecnológica e de inovação, a partir da demanda da empresa.

Além dos programas e modalidades de fomento já desenvolvidos e/ou mantidos pelo próprio Conselho, o CNPq tem interesse em outras ações que promovam o conhecimento científico, o desenvolvimento tecnológico e a inovação, com elevado potencial de impacto intelectual, social e econômico para o país e ainda capacidade de projetar mundialmente a ciência produzida no Brasil, observados os parâmetros internacionais de mérito e as boas práticas científicas.

O CNPq comunicará a empresa interessada a respeito da decisão pela abertura ou não de negociação para o estabelecimento da parceria pleiteada em até 45 (quarenta e cinco) dias após o recebimento da proposta.

Acesse aqui a Chamada Pública.

Acesse aqui a lista de propostas recebidas.

Fonte: CNPq

Continue lendoCNPq lança Chamada Pública para parcerias com Pessoas Jurídicas de Direito Privado

CONFAP Lança Chamada Transnacional Conjunta ORD – Apoio à Ciência Aberta

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:11 de outubro de 2022
  • Tempo de leitura:2 minutos de leitura



O Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (CONFAP) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), em parceria com o consórcio CHIST-ERA e a Comissão Europeia, anunciam o lançamento da Chamada Transnacional Conjunta ORD – Apoio à Ciência Aberta.

A chamada tem por objetivo apoiar projetos colaborativos de pesquisa e inovação voltados à Ciência Aberta, abordando temáticas ligadas a dados e softwares de pesquisa abertos ou compartilhados, em todas as áreas do conhecimento. O orçamento global disponível para a chamada é de aproximadamente 6 milhões de euros.
No Brasil, o apoio será concedido pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e pelas Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAPs) que participam da chamada.


Submissão de propostas

Para submissão de propostas, os pesquisadores brasileiros devem buscar parcerias internacionais. O consórcio do projeto de pesquisa deve ter no mínimo 3 parceiros, incluindo no mínimo 3 países que participam da chamada, são eles: Bélgica, Brasil, República Tcheca, França, Lituânia, Luxemburgo, Polônia, Eslováquia, Suíça, Turquia e Reino Unido.

Os candidatos brasileiros devem consultar as regras específicas de elegibilidade e modalidades de participação via CNPq ou via FAPs na página oficial da chamada. Acesse a íntegra da chamada e a plataforma de submissão de propostas em: www.chistera.eu/call-ord-announcement

Cronograma

Prazo para submissão de propostas: 14 de dezembro de 2022;
Aprovação de projetos: junho de 2023;
Início dos projetos aprovados: a partir de setembro de 2023.

Questões gerais e técnicas sobre a chamada podem ser esclarecidas com o Ponto de Contato Nacional do CONFAP: Elisa Natola (elisa.confap@gmail.com) ou do CNPq: Dileine Cunha (dileine.cunha@cnpq.br).

No dia 28 de novembro de 2022, será realizado o webinar informativo sobre a chamada. Para participar inscreva-se em: www.chistera.eu/call-ord-info-webinars.

Continue lendoCONFAP Lança Chamada Transnacional Conjunta ORD – Apoio à Ciência Aberta