FAPEPI participa de seminário sobre projetos estruturantes e inteligência de dados no Piauí

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:19 de julho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

Nesta sexta-feira (19), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) marcou presença no seminário de alinhamento “Projetos Estruturantes e Inteligência de Dados no Piauí”, promovido pela Secretaria do Planejamento do Piauí (Seplan) em parceria com o Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa (ISCSP/ULisboa). O evento reuniu líderes do setor público e especialistas para discutir os grandes projetos de desenvolvimento em curso no estado. Representando a FAPEPI, esteve presente o presidente João Xavier.

O principal objetivo do seminário foi apresentar o progresso e impacto dos projetos estruturantes, como o Intermodal do Vale do Parnaíba e o HUB de Hidrogênio Verde, que visam consolidar o Piauí como um dos maiores produtores de energias renováveis do Brasil. Além disso, buscou-se promover o alinhamento estratégico entre os diferentes atores do governo, garantindo que as ações estejam coordenadas e em sintonia com as prioridades do estado.

Durante o evento, foram apresentados dados referentes ao desenvolvimento do Piauí, incluindo indicadores como o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e o Produto Interno Bruto (PIB), entre outros dados econômicos relevantes. A análise serviu como base para as discussões sobre o futuro do estado e a importância dos projetos estruturantes na promoção do crescimento econômico e social.

Com a apresentação dos grandes projetos em andamento e a discussão sobre o papel da inteligência de dados na gestão pública, o seminário proporcionou uma visão abrangente do futuro do Piauí. A união de esforços entre o governo, a academia e a sociedade foi destacada como fundamental para garantir que o estado continue no caminho do progresso e da inovação.

João Xavier, presidente da FAPEPI, enfatizou a relevância da colaboração entre instituições e o papel vital da inteligência de dados para o desenvolvimento sustentável. Segundo Xavier, a integração de conhecimento e tecnologia é essencial para impulsionar as potencialidades do Piauí, transformando desafios em oportunidades concretas para a população.

O evento também serviu como espaço para debates e trocas de experiências, fortalecendo a rede de cooperação entre as diversas entidades presentes. A expectativa é que os resultados do seminário contribuam para a definição de políticas públicas mais eficazes e alinhadas com as necessidades e expectativas da população piauiense.

Continue lendoFAPEPI participa de seminário sobre projetos estruturantes e inteligência de dados no Piauí

Em parceria com a FAPEPI e Governo do Estado, Sebrae lança Chamada Pública para o Programa Inova Cerrado

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:16 de julho de 2024
  • Tempo de leitura:5 minutos de leitura

O Sebrae deu início à Chamada Pública do programa Inova Cerrado 2024, uma iniciativa focada em fomentar, apoiar e desenvolver pequenos negócios, startups, empreendimentos e ideias inovadoras alinhadas à bioeconomia, que tenham como premissa a atuação direta ou indireta para preservação ou uso sustentável dos recursos da biodiversidade do bioma.

O Inova Cerrado é estruturado em módulos independentes que contemplam desde a ideação até fases mais avançadas de desenvolvimento empresarial. É importante destacar, que cada módulo do programa tem um edital específico para a seleção das ideias e empresas.

O presente edital se refere única e exclusivamente ao MÓDULO IDEAÇÃO, destinado a potenciais empreendedores, empresários e pesquisadores que ainda não tiraram suas ideias do papel ou estão na fase de validação de produto. O objetivo é impulsionar novos negócios inovadores e sustentáveis, transformando as ideias propostas em negócios formalizados, em operação e com venda recorrente. Fortalecendo assim, o ecossistema empresarial do bioma Cerrado.

As inscrições estão abertas até o dia 25 de agosto, exclusivamente para pessoas físicas residentes nos estados do Cerrado (BA, DF, GO, MA, MG, MT, MS, PI, TO) que possuam ideias inovadoras ligadas à bioeconomia. No ato da inscrição, o proponente deverá indicar o Estado-Base para o qual pretende concorrer a uma vaga no processo de seleção. Somente serão selecionadas ideias de proponentes residentes no Estado-Base para o qual se candidataram.

Serão apoiados projetos inovadores focados na preservação, conservação ou utilização sustentável de recursos naturais do bioma e que tenham suas soluções aplicadas às seguintes áreas:

  1. Agricultura e Pecuária
  2. Alimentos e Bebidas
  3. Bioenergia e Biocombustíveis
  4. Casa e Construção
  5. Comunicação e Entretenimento
  6. Ecoturismo; Floresta
  7. Fármacos, Fitoterápicos e Nutracêuticos
  8. Higiene, Perfumaria e Cosméticos
  9. Logística e Mobilidade
  10. Moda e Design
  11. Químicos e Novos Materiais
  12. Tecnologia da Informação
  13. Outros.

Neste primeiro módulo, serão selecionadas 30 propostas por estado . Os participantes receberão capacitações coletivas, mentorias individuais e participarão de atividades de networking. Ao final do ciclo de aceleração, as 3 melhores ideias de cada estado serão premiadas com valores de R$ 15.000,00, R$ 10.000,00 e R$ 5.000,00, respectivamente.

No Piauí, o programa será executado pelo Sebrae com o apoio da FAPEPI e do governo estadual.

Continue lendoEm parceria com a FAPEPI e Governo do Estado, Sebrae lança Chamada Pública para o Programa Inova Cerrado

FAPEPI e IFPI discutem novos projetos e parcerias em reunião estratégica

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:15 de julho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

Na última sexta-feira (12), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) sediou uma reunião estratégica para discutir projetos e parcerias com o Instituto Federal do Piauí (IFPI). O encontro, que reuniu importantes lideranças das duas instituições, foi marcado pela colaboração e pela busca por inovações no campo da pesquisa e educação.

Estiveram presentes na reunião o reitor do IFPI, Paulo Borges, o pró-reitor do IFPI, José Luís, a professora Divamelia Gomes, o presidente da FAPEPI, João Xavier, o diretor administrativo financeiro da Fundação, Ernaldo Vale e a professora Marcoelis Pessoa.

O objetivo principal da reunião foi alinhar interesses e traçar diretrizes para futuros projetos conjuntos que possam beneficiar a comunidade acadêmica e científica do estado. Durante o encontro, foram discutidas diversas possibilidades de cooperação, incluindo o financiamento de pesquisas e parcerias em eventos científicos.

A colaboração entre o IFPI e a FAPEPI tem impulsionado a pesquisa e a inovação no Piauí. Através da criação de oportunidades únicas para alunos e pesquisadores piauienses, a parceria entre as respectivas instituições tem sido importante para o desenvolvimento regional.

Para o presidente da FAPEPI, João Xavier, é muito importante apoiar e fomentar a pesquisa no estado. Logo, a união de esforços com o IFPI é essencial para alcançar objetivos e desenvolver projetos que possam transformar a realidade local, promovendo o avanço científico e tecnológico no território piauiense.

Ao final da reunião, os participantes saíram com a perspectiva de que as novas parcerias entre FAPEPI e IFPI trarão benefícios concretos para a comunidade acadêmica e científica do estado. Os próximos passos incluem a elaboração de um plano de ação detalhado e a definição de cronogramas para a implementação dos projetos discutidos.

Essa reunião marca um importante passo na consolidação de uma colaboração estratégica que promete impulsionar o desenvolvimento da pesquisa e inovação no Piauí, reafirmando o compromisso das instituições com o progresso científico e educacional da região.

Continue lendoFAPEPI e IFPI discutem novos projetos e parcerias em reunião estratégica

Ministério da Saúde e FAPEPI divulgam linhas de pesquisa da 8° edição do PPSUS-PI

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:11 de julho de 2024
  • Tempo de leitura:6 minutos de leitura

Em breve, o Ministério da Saúde e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Piauí (FAPEPI) vão lançar um novo edital do Programa de Pesquisa para o Sistema Único de Saúde (PPSUS-PI). O objetivo é promover o desenvolvimento científico e tecnológico no estado, atendendo às peculiaridades e necessidades de saúde do Piauí.

O investimento previsto para a 8ª edição do Edital é de R$ 2,8 milhões, dos quais R$ 2,2 milhões serão fornecidos pelo Ministério da Saúde e R$ 600 mil pelo Tesouro Estadual, através da FAPEPI.

Para definir as novas linhas de pesquisa, o Ministério da Saúde realizou um diagnóstico na Rede Estadual de Saúde e conduziu uma consulta pública com Instituições de Ensino Superior e de Pesquisa no Piauí, em uma iniciativa chamada Oficina Virtual de Prioridades de Pesquisas (OPP).

Esse processo foi feito em colaboração com a FAPEPI e a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (SESAPI), e validado pela Coordenação do PPSUS, ligada ao Departamento de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde (Decit/SECTICS/MS).

Pesquisadores interessados em submeter propostas podem acessar as linhas de pesquisa no documento disponibilizado abaixo.

Linhas de pesquisa da 8° edição do PPSUS-PI

O PPSUS é um programa nacional que visa financiar pesquisas que atendam às necessidades do Sistema Único de Saúde (SUS) e contribuam para o desenvolvimento científico e tecnológico em saúde. Ele representa um investimento estratégico para melhorar a qualidade dos serviços, promovendo a inovação e a disseminação do conhecimento científico.

No Piauí, o projeto PPSUS-PI foi implantado em 2001 com a denominação de “Projeto Gestão Compartilhada de Ciência e Tecnologia em Saúde”, atualmente consiste em um exemplo notável de como a pesquisa e a inovação podem ser usadas como ferramentas poderosas para melhorar o sistema de saúde e garantir um atendimento de qualidade para a população.

Em setembro de 2023, aconteceu no Gran Hotel Harrey em Teresina o Seminário de Avaliação Final que marca o encerramento de um ciclo de pesquisa que envolveu instituições acadêmicas, pesquisadores, gestores de saúde e profissionais da área em todo o estado do Piauí.

O evento reuniu líderes acadêmicos, gestores de saúde, pesquisadores renomados e autoridades governamentais como a coordenadora nacional do PPSUS, dra. Marge Tenório, a superintendente estadual do Ministério da Saúde, Antônia Leal, o gerente de Planejamento da SESAPI, Clécio Lopes, o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UESPI, Rauirys Alencar e o presidente da FAPEPI, dr. João Xavier.

Autoridades representantes da SESAPI, superintendência estadual do Ministério da Saúde, FAPEPI, coordenação nacional do PPSUS, Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UESPI.

Na oportunidade foram apresentados, discutidos e avaliados os resultados de projetos de pesquisa financiadas pelo programa em áreas como epidemiologia, assistência farmacêutica, atenção básica, vigilância em saúde, entre outros segmentos. Além das apresentações de pesquisas, houveram momentos de troca de conhecimento e experiência essenciais para a formação de uma rede de colaboração que possa impulsionar ainda mais a pesquisa em saúde no Piauí. 

O diálogo entre pesquisadores e gestores foi essencial para alinhar os resultados das pesquisas com as necessidades reais da saúde pública do estado.

Continue lendoMinistério da Saúde e FAPEPI divulgam linhas de pesquisa da 8° edição do PPSUS-PI

FAPEPI apoia número recorde de eventos científicos, tecnológicos e de inovação em 2024

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:3 de julho de 2024
  • Tempo de leitura:6 minutos de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) celebra um marco histórico com o Edital nº 001/2024 do Programa de Apoio à Realização de Eventos Científicos, de Divulgação Científica e Tecnológica (PAP). Este ano, a Fundação recebeu um número recorde de propostas para o apoio à realização de eventos científicos, tecnológicos e de inovação, consolidando o compromisso com a popularização da ciência no estado.

Aberto para submissões de 5 de fevereiro a 20 de maio, o Edital contemplou três chamadas e registrou 135 propostas oriundas de diversas instituições de ensino, associações e institutos de pesquisa do Piauí. As solicitações de apoio totalizaram aproximadamente R$ 1,5 milhão, destacando o crescimento significativo em comparação aos anos anteriores.

Das propostas apresentadas, 111 foram contempladas com apoio financeiro, representando um aumento de 58,6% em relação a 2023, quando 70 eventos foram financiados. Em 2024, a FAPEPI destinou R$ 600.000,00 para o financiamento dos eventos, que possuem abrangência local, regional, nacional e internacional, e serão realizados entre março de 2024 e março de 2025 em nove dos doze territórios de desenvolvimento do estado.

Entre as instituições beneficiadas estão a Universidade Federal do Piauí (UFPI), Instituto Federal do Piauí (IFPI), Universidade Estadual do Piauí (UESPI), Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFDPAR), Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA), Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ) e Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF).

A última chamada do Edital, realizada este ano, contemplou 60 eventos programados para ocorrer entre 1º de outubro de 2024 e 31 de março de 2025. O alcance territorial e a diversidade das áreas do conhecimento dos eventos apoiados refletem o esforço contínuo da FAPEPI em promover a divulgação e a popularização da produção científica, tecnológica e de inovação no Piauí.

Com este recorde de submissões e eventos apoiados, a FAPEPI reafirma seu compromisso com o desenvolvimento científico e tecnológico do estado, incentivando a integração e a cooperação entre instituições de ensino e pesquisa, além de fomentar a disseminação do conhecimento para a sociedade.

Continue lendoFAPEPI apoia número recorde de eventos científicos, tecnológicos e de inovação em 2024

UAPI abre seleção de professores para o curso de Tecnologia em Energias Renováveis

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:3 de julho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

A Universidade Estadual do Piauí (UESPI) por meio da Universidade Aberta do Piauí (UAPI), lançou o Edital Nº 003/2024, com o objetivo de selecionar professores para o curso de Tecnologia em Energias Renováveis. As vagas disponíveis abrangem os cargos de Professor(a) Formador(a), Professor(a) Assistente, Professor(a) Orientador(a) e Professor(a) Supervisor(a) de Estágio.

Detalhes sobre a distribuição das vagas e os requisitos necessários para a candidatura, podem ser conferidos na íntegra no site oficial da UAPI, na seção de editais: uespi.br/editais-uapi/.

As inscrições para o processo seletivo estarão abertas entre os dias 04 de julho, a partir das 9h, e 14 de julho, até às 13h. Os interessados devem realizar a inscrição através da plataforma online disponibilizada pela UAPI.

Os candidatos aprovados serão designados como bolsistas, vinculados à Fundação de Amparo à Pesquisa do Piauí (FAPEPI), durante a vigência do contrato. As bolsas oferecidas variam entre R$1.100,00 e R$1.300,00.

É importante destacar que candidatos que já possuem bolsas de outras fontes do governo estadual ou federal, como bolsas de mestrado ou doutorado, também estão aptos a participar do processo seletivo.

O processo seletivo simplificado será conduzido pelo Núcleo de Educação à Distância (NEAD), por meio da Coordenação de Projetos e Documentações (COPDOC).

Os candidatos que tiverem dúvidas relacionadas ao edital podem entrar em contato através do e-mail: duvidas.edital.uapi@nead.uespi.br.

Para mais informações, acesse o site da UAPI e confira todos os detalhes sobre o processo seletivo.

Continue lendoUAPI abre seleção de professores para o curso de Tecnologia em Energias Renováveis

FAPEPI, SEMARH, UFPI e AFERT discutem ações e projetos a serem desenvolvidos no NUPERADE

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:28 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí, na última quinta-feira (27), participou de uma importante reunião realizada na Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH) para discutir um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) entre a FAPEPI, a SEMARH, a Universidade Federal do Piauí (UFPI) e a empresa AFERT. O objetivo do acordo é desenvolver trabalhos voltados para a recuperação de áreas degradadas na região do Núcleo de Pesquisa de Recuperação de Áreas Degradadas (NUPERADE), no município de Gilbués.

A FAPEPI esteve representada pela diretora de desenvolvimento científico e tecnológico, Eliciana Vieira, e pelo assessor do governo, Antônio Pereira. Durante o encontro, além do ACT, também foi discutido o andamento da reforma do prédio sede do NUPERADE, cuja entrega está prevista para os próximos meses.

Para o assessor do governo, Antônio Pereira, a recuperação de áreas degradadas é uma prioridade, e a conclusão da reforma do prédio do NUPERADE vai proporcionar melhores condições para a realização das pesquisas e dos trabalhos de campo.

A reunião também contou com a presença de diversos representantes das entidades envolvidas, que discutiram os próximos passos para a implementação do ACT e as ações necessárias para acelerar a reforma do prédio do NUPERADE. A expectativa é que a nova estrutura impulsione ainda mais as iniciativas de recuperação ambiental na região, que enfrenta sérios desafios devido à degradação do solo.

O Acordo de Cooperação Técnica tem sido visto com otimismo por parte das instituições que estão colaborando para o sucesso do projeto. Este acordo permitirá um avanço significativo nos esforços de recuperação ambiental na região de Gilbués.

A colaboração entre FAPEPI, SEMARH, UFPI e AFERT representa um marco na luta pela preservação ambiental no Piauí, e a entrega da sede do NUPERADE é aguardada com grande expectativa pela comunidade científica e pela população local.

Continue lendoFAPEPI, SEMARH, UFPI e AFERT discutem ações e projetos a serem desenvolvidos no NUPERADE

Fapepi divulga Resultado Final da seleção de bolsas de Mestrado e Doutorado

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:26 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa “Professor Afonso Sena Gonçalves” (FAPEPI) divulga nesta quarta-feira (26), o resultado final da seleção de propostas do Edital de bolsas de mestrado e doutorado, no âmbito do Programa de Apoio à Pós-Graduação Stricto Sensu (PAPG). Este programa atende a Programas de Pós-Graduação do estado do Piauí.

Foram contemplados 55 cursos de 44 programas de pós-graduação stricto sensu, com a concessão de 109 cotas de bolsas de mestrado e 23 cotas de bolsas de doutorado.

Para o diretor Técnico-Científico da FAPEPI, professor Pedro Soares, o Edital representou a maior oferta de bolsas de pós-graduação de todos os tempos da FAPEPI. Esta iniciativa é a principal ação para honrar o compromisso de gestão do governo de apoiar, fortalecer e ampliar os programas de pós stricto sensu do Piauí.

Os programas beneficiados estão situados nos municípios de Parnaíba, Piripiri, Teresina, Picos, Floriano, Bom Jesus e São Raimundo Nonato, vinculados às principais instituições de ensino e pesquisa do estado: UFPI, UESPI, IFPI, UNIVASF e UFDPAR.

Os projetos apresentados abrangem temáticas nas áreas de Ciências Exatas e da Terra, Ciências Biológicas, Engenharia/Tecnologia, Ciências da Saúde, Ciências Agrárias, Ciências Sociais, Ciências Humanas, Linguística, Letras e Artes. Dentre eles, 60% são voltados para os eixos prioritários para o desenvolvimento do estado, como:

• Agricultura: Agregação de Valor das Cadeias Produtivas Principais, Agroindústria, Agricultura de Precisão e Melhoramento Genético.

• Meio Ambiente: Energias Limpas, Clima e Turismo.

• Tecnologia da Informação: Inovação Tecnológica em Saúde, Educação e Finanças.

Após a publicação do resultado final, os coordenadores dos programas contemplados terão um prazo de até 60 dias para iniciar o processo de contratação das propostas e informar a relação dos discentes beneficiados com as bolsas.

Clique aqui para acessar o resultado.

Continue lendoFapepi divulga Resultado Final da seleção de bolsas de Mestrado e Doutorado

FAPEPI é destaque em cerimônia de formatura da UAPI

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:25 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:6 minutos de leitura

No último sábado (22), foi realizada a cerimônia de formatura da segunda turma de graduados da Universidade Aberta do Piauí (UAPI). A UAPI, fruto da parceria entre a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi), a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e a Universidade Estadual do Piauí (Uespi), tem como missão universalizar o acesso ao Ensino Superior em todo o estado.

O evento que aconteceu Theresina Hall reuniu 800 formandos que concluíram o Ensino Superior, um marco significativo para a educação no estado. A celebração contou com a presença de familiares, equipes das instituições parceiras e diversas autoridades, destacando a importância da ocasião.

Na oportunidade, a Fapepi teve uma participação destacada no evento representada pelo diretor Administrativo Financeiro, Ernaldo Vale, e pela Coordenadora de Acompanhamento da UAPI, Lara Falcão que participaram da entrega de canudos aos formandos.

Para Lara Falcão, a UAPI tem desempenhado um papel fundamental ao levar educação de qualidade a diversas regiões do estado, permitindo que mais piauienses alcancem seus objetivos profissionais e pessoais sem precisar sair de suas cidades natais. Segundo ela, o sucesso dos formandos demonstra a eficácia do modelo de ensino adotado pela UAPI.

Ernaldo Vale por sua vez, enfatizou o compromisso da FAPEPI e das instituições parceiras em continuar investindo na expansão e na melhoria dos cursos oferecidos. Ele mencionou que os novos cursos lançados em 2023, como Tecnólogo em Energias Renováveis e Sistemas para Internet, são exemplos claros de como a UAPI está alinhada com as necessidades do mercado de trabalho e os desafios econômicos do estado.

A UAPI tem se dedicado a levar a educação superior aos piauienses em suas próprias cidades, utilizando polos instalados em escolas da Seduc, desde sua criação em 2017. Na primeira etapa, a universidade ofereceu o curso de Administração em 60 polos. Em 2018, foram adicionados mais 60, totalizando 120 polos. Na terceira fase, outros 63 polos foram implementados, ampliando a cobertura para 183 cidades piauienses.

A UAPI também colabora com a Universidade Aberta do Brasil (UAB), garantindo que todas as regiões do Piauí tenham acesso ao Ensino Superior público. Em 2022, a UAPI celebrou a formatura de suas primeiras turmas, consolidando seu papel crucial na educação estadual. Para 2024, a meta é aumentar ainda mais o número de adultos com Ensino Superior completo.

Para atender às demandas do mercado de trabalho e impulsionar a economia local, a UAPI lançou, em 2023, novos cursos como Tecnólogo em Energias Renováveis e Sistemas para Internet. Estes cursos são financiados inteiramente por recursos do Tesouro Estadual, refletindo o compromisso do governo em oferecer uma educação acessível e de qualidade.

Os investimentos contínuos e a expansão dos cursos mostram que a UAPI não apenas proporciona acesso ao Ensino Superior, mas também prepara os piauienses para enfrentar os desafios de um mercado de trabalho em constante evolução. Com iniciativas como estas, a UAPI se consolida como um pilar fundamental para o desenvolvimento educacional e econômico do Piauí, preparando seus cidadãos para um futuro promissor.

Fonte: Governo do Piauí com adaptações.

Continue lendoFAPEPI é destaque em cerimônia de formatura da UAPI

Inicia hoje o prazo para submissão de propostas ao Edital de Bolsas de Iniciação Científica da FAPEPI

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:21 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:5 minutos de leitura

Inicia nesta sexta-feira (21), o período de submissão de propostas ao Programa de Bolsas de Iniciação Científica da FAPEPI (PBIC). O edital, lançado pelo governador Rafael Fonteles no último dia 19 de junho, visa contribuir para a formação de estudantes de graduação, despertar vocações científicas e incentivar novos talentos potenciais.

Foto Reprodução Internet

Serão disponibilizadas 200 bolsas, no valor de R$ 700,00 cada, com duração de até doze meses. As cotas serão divididas igualmente entre discentes mulheres e homens, com 100 bolsas para cada grupo. Este programa é um esforço estratégico para o desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação no Estado do Piauí, contemplando áreas importantes para o crescimento regional.

As propostas de pesquisa deverão se enquadrar em um dos seguintes eixos temáticos:

1.Agro: Agregação de Valor das Cadeias Produtivas Principais, Agroindústria, Agricultura de Precisão e Melhoramento Genético.

2.Meio Ambiente: Energias Limpas, Clima e Turismo.

3.Tecnologia da Informação: Inovação Tecnológica em Saúde, Educação e Finanças.

4.Livre: Temáticas relacionadas às diversas áreas do conhecimento.

Para submeter uma proposta, o discente deve estar vinculado a um pesquisador que possua título de Mestre ou Doutor e que tenha vínculo empregatício ou funcional com instituições públicas ou privadas sem fins lucrativos de ensino e/ou pesquisa situadas no Estado do Piauí. Cada proponente pode submeter até duas propostas, sendo uma para cada cota de bolsa pleiteada.

O proponente deverá ser o coordenador da proposta e orientador do candidato à bolsa. As propostas devem ser submetidas exclusivamente através do SIGFAPEPI no período de 21 de junho até as 23h59 do dia 15 de julho de 2024, horário de Brasília.

Clique aqui para acessar o Edital.

O edital lançado na última quarta-feira (19), após reunião entre o governador Rafael Fonteles e o diretor Técnico-Científico da FAPEPI, Pedro Soares, no Palácio de Karnak, reflete o compromisso do governo e da Fundação com o fortalecimento da pesquisa e inovação no estado.

A iniciativa marca um passo significativo na promoção da ciência e tecnologia no território piauiense, ao capacitar a nova geração de pesquisadores e contribuir para o progresso do Estado do Piauí.

Continue lendoInicia hoje o prazo para submissão de propostas ao Edital de Bolsas de Iniciação Científica da FAPEPI