Em parceria com a FAPEPI e Governo do Estado, Sebrae lança Chamada Pública para o Programa Inova Cerrado

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:16 de julho de 2024
  • Tempo de leitura:5 minutos de leitura

O Sebrae deu início à Chamada Pública do programa Inova Cerrado 2024, uma iniciativa focada em fomentar, apoiar e desenvolver pequenos negócios, startups, empreendimentos e ideias inovadoras alinhadas à bioeconomia, que tenham como premissa a atuação direta ou indireta para preservação ou uso sustentável dos recursos da biodiversidade do bioma.

O Inova Cerrado é estruturado em módulos independentes que contemplam desde a ideação até fases mais avançadas de desenvolvimento empresarial. É importante destacar, que cada módulo do programa tem um edital específico para a seleção das ideias e empresas.

O presente edital se refere única e exclusivamente ao MÓDULO IDEAÇÃO, destinado a potenciais empreendedores, empresários e pesquisadores que ainda não tiraram suas ideias do papel ou estão na fase de validação de produto. O objetivo é impulsionar novos negócios inovadores e sustentáveis, transformando as ideias propostas em negócios formalizados, em operação e com venda recorrente. Fortalecendo assim, o ecossistema empresarial do bioma Cerrado.

As inscrições estão abertas até o dia 25 de agosto, exclusivamente para pessoas físicas residentes nos estados do Cerrado (BA, DF, GO, MA, MG, MT, MS, PI, TO) que possuam ideias inovadoras ligadas à bioeconomia. No ato da inscrição, o proponente deverá indicar o Estado-Base para o qual pretende concorrer a uma vaga no processo de seleção. Somente serão selecionadas ideias de proponentes residentes no Estado-Base para o qual se candidataram.

Serão apoiados projetos inovadores focados na preservação, conservação ou utilização sustentável de recursos naturais do bioma e que tenham suas soluções aplicadas às seguintes áreas:

  1. Agricultura e Pecuária
  2. Alimentos e Bebidas
  3. Bioenergia e Biocombustíveis
  4. Casa e Construção
  5. Comunicação e Entretenimento
  6. Ecoturismo; Floresta
  7. Fármacos, Fitoterápicos e Nutracêuticos
  8. Higiene, Perfumaria e Cosméticos
  9. Logística e Mobilidade
  10. Moda e Design
  11. Químicos e Novos Materiais
  12. Tecnologia da Informação
  13. Outros.

Neste primeiro módulo, serão selecionadas 30 propostas por estado . Os participantes receberão capacitações coletivas, mentorias individuais e participarão de atividades de networking. Ao final do ciclo de aceleração, as 3 melhores ideias de cada estado serão premiadas com valores de R$ 15.000,00, R$ 10.000,00 e R$ 5.000,00, respectivamente.

No Piauí, o programa será executado pelo Sebrae com o apoio da FAPEPI e do governo estadual.

Continue lendoEm parceria com a FAPEPI e Governo do Estado, Sebrae lança Chamada Pública para o Programa Inova Cerrado

FAPEPI e IFPI discutem novos projetos e parcerias em reunião estratégica

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:15 de julho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

Na última sexta-feira (12), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) sediou uma reunião estratégica para discutir projetos e parcerias com o Instituto Federal do Piauí (IFPI). O encontro, que reuniu importantes lideranças das duas instituições, foi marcado pela colaboração e pela busca por inovações no campo da pesquisa e educação.

Estiveram presentes na reunião o reitor do IFPI, Paulo Borges, o pró-reitor do IFPI, José Luís, a professora Divamelia Gomes, o presidente da FAPEPI, João Xavier, o diretor administrativo financeiro da Fundação, Ernaldo Vale e a professora Marcoelis Pessoa.

O objetivo principal da reunião foi alinhar interesses e traçar diretrizes para futuros projetos conjuntos que possam beneficiar a comunidade acadêmica e científica do estado. Durante o encontro, foram discutidas diversas possibilidades de cooperação, incluindo o financiamento de pesquisas e parcerias em eventos científicos.

A colaboração entre o IFPI e a FAPEPI tem impulsionado a pesquisa e a inovação no Piauí. Através da criação de oportunidades únicas para alunos e pesquisadores piauienses, a parceria entre as respectivas instituições tem sido importante para o desenvolvimento regional.

Para o presidente da FAPEPI, João Xavier, é muito importante apoiar e fomentar a pesquisa no estado. Logo, a união de esforços com o IFPI é essencial para alcançar objetivos e desenvolver projetos que possam transformar a realidade local, promovendo o avanço científico e tecnológico no território piauiense.

Ao final da reunião, os participantes saíram com a perspectiva de que as novas parcerias entre FAPEPI e IFPI trarão benefícios concretos para a comunidade acadêmica e científica do estado. Os próximos passos incluem a elaboração de um plano de ação detalhado e a definição de cronogramas para a implementação dos projetos discutidos.

Essa reunião marca um importante passo na consolidação de uma colaboração estratégica que promete impulsionar o desenvolvimento da pesquisa e inovação no Piauí, reafirmando o compromisso das instituições com o progresso científico e educacional da região.

Continue lendoFAPEPI e IFPI discutem novos projetos e parcerias em reunião estratégica

Ministério da Saúde e FAPEPI divulgam linhas de pesquisa da 8° edição do PPSUS-PI

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:11 de julho de 2024
  • Tempo de leitura:6 minutos de leitura

Em breve, o Ministério da Saúde e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Piauí (FAPEPI) vão lançar um novo edital do Programa de Pesquisa para o Sistema Único de Saúde (PPSUS-PI). O objetivo é promover o desenvolvimento científico e tecnológico no estado, atendendo às peculiaridades e necessidades de saúde do Piauí.

O investimento previsto para a 8ª edição do Edital é de R$ 2,8 milhões, dos quais R$ 2,2 milhões serão fornecidos pelo Ministério da Saúde e R$ 600 mil pelo Tesouro Estadual, através da FAPEPI.

Para definir as novas linhas de pesquisa, o Ministério da Saúde realizou um diagnóstico na Rede Estadual de Saúde e conduziu uma consulta pública com Instituições de Ensino Superior e de Pesquisa no Piauí, em uma iniciativa chamada Oficina Virtual de Prioridades de Pesquisas (OPP).

Esse processo foi feito em colaboração com a FAPEPI e a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (SESAPI), e validado pela Coordenação do PPSUS, ligada ao Departamento de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde (Decit/SECTICS/MS).

Pesquisadores interessados em submeter propostas podem acessar as linhas de pesquisa no documento disponibilizado abaixo.

Linhas de pesquisa da 8° edição do PPSUS-PI

O PPSUS é um programa nacional que visa financiar pesquisas que atendam às necessidades do Sistema Único de Saúde (SUS) e contribuam para o desenvolvimento científico e tecnológico em saúde. Ele representa um investimento estratégico para melhorar a qualidade dos serviços, promovendo a inovação e a disseminação do conhecimento científico.

No Piauí, o projeto PPSUS-PI foi implantado em 2001 com a denominação de “Projeto Gestão Compartilhada de Ciência e Tecnologia em Saúde”, atualmente consiste em um exemplo notável de como a pesquisa e a inovação podem ser usadas como ferramentas poderosas para melhorar o sistema de saúde e garantir um atendimento de qualidade para a população.

Em setembro de 2023, aconteceu no Gran Hotel Harrey em Teresina o Seminário de Avaliação Final que marca o encerramento de um ciclo de pesquisa que envolveu instituições acadêmicas, pesquisadores, gestores de saúde e profissionais da área em todo o estado do Piauí.

O evento reuniu líderes acadêmicos, gestores de saúde, pesquisadores renomados e autoridades governamentais como a coordenadora nacional do PPSUS, dra. Marge Tenório, a superintendente estadual do Ministério da Saúde, Antônia Leal, o gerente de Planejamento da SESAPI, Clécio Lopes, o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UESPI, Rauirys Alencar e o presidente da FAPEPI, dr. João Xavier.

Autoridades representantes da SESAPI, superintendência estadual do Ministério da Saúde, FAPEPI, coordenação nacional do PPSUS, Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UESPI.

Na oportunidade foram apresentados, discutidos e avaliados os resultados de projetos de pesquisa financiadas pelo programa em áreas como epidemiologia, assistência farmacêutica, atenção básica, vigilância em saúde, entre outros segmentos. Além das apresentações de pesquisas, houveram momentos de troca de conhecimento e experiência essenciais para a formação de uma rede de colaboração que possa impulsionar ainda mais a pesquisa em saúde no Piauí. 

O diálogo entre pesquisadores e gestores foi essencial para alinhar os resultados das pesquisas com as necessidades reais da saúde pública do estado.

Continue lendoMinistério da Saúde e FAPEPI divulgam linhas de pesquisa da 8° edição do PPSUS-PI

FAPEPI, SEMARH, UFPI e AFERT discutem ações e projetos a serem desenvolvidos no NUPERADE

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:28 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí, na última quinta-feira (27), participou de uma importante reunião realizada na Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMARH) para discutir um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) entre a FAPEPI, a SEMARH, a Universidade Federal do Piauí (UFPI) e a empresa AFERT. O objetivo do acordo é desenvolver trabalhos voltados para a recuperação de áreas degradadas na região do Núcleo de Pesquisa de Recuperação de Áreas Degradadas (NUPERADE), no município de Gilbués.

A FAPEPI esteve representada pela diretora de desenvolvimento científico e tecnológico, Eliciana Vieira, e pelo assessor do governo, Antônio Pereira. Durante o encontro, além do ACT, também foi discutido o andamento da reforma do prédio sede do NUPERADE, cuja entrega está prevista para os próximos meses.

Para o assessor do governo, Antônio Pereira, a recuperação de áreas degradadas é uma prioridade, e a conclusão da reforma do prédio do NUPERADE vai proporcionar melhores condições para a realização das pesquisas e dos trabalhos de campo.

A reunião também contou com a presença de diversos representantes das entidades envolvidas, que discutiram os próximos passos para a implementação do ACT e as ações necessárias para acelerar a reforma do prédio do NUPERADE. A expectativa é que a nova estrutura impulsione ainda mais as iniciativas de recuperação ambiental na região, que enfrenta sérios desafios devido à degradação do solo.

O Acordo de Cooperação Técnica tem sido visto com otimismo por parte das instituições que estão colaborando para o sucesso do projeto. Este acordo permitirá um avanço significativo nos esforços de recuperação ambiental na região de Gilbués.

A colaboração entre FAPEPI, SEMARH, UFPI e AFERT representa um marco na luta pela preservação ambiental no Piauí, e a entrega da sede do NUPERADE é aguardada com grande expectativa pela comunidade científica e pela população local.

Continue lendoFAPEPI, SEMARH, UFPI e AFERT discutem ações e projetos a serem desenvolvidos no NUPERADE

Fapepi divulga Resultado Final da seleção de bolsas de Mestrado e Doutorado

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:26 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa “Professor Afonso Sena Gonçalves” (FAPEPI) divulga nesta quarta-feira (26), o resultado final da seleção de propostas do Edital de bolsas de mestrado e doutorado, no âmbito do Programa de Apoio à Pós-Graduação Stricto Sensu (PAPG). Este programa atende a Programas de Pós-Graduação do estado do Piauí.

Foram contemplados 55 cursos de 44 programas de pós-graduação stricto sensu, com a concessão de 109 cotas de bolsas de mestrado e 23 cotas de bolsas de doutorado.

Para o diretor Técnico-Científico da FAPEPI, professor Pedro Soares, o Edital representou a maior oferta de bolsas de pós-graduação de todos os tempos da FAPEPI. Esta iniciativa é a principal ação para honrar o compromisso de gestão do governo de apoiar, fortalecer e ampliar os programas de pós stricto sensu do Piauí.

Os programas beneficiados estão situados nos municípios de Parnaíba, Piripiri, Teresina, Picos, Floriano, Bom Jesus e São Raimundo Nonato, vinculados às principais instituições de ensino e pesquisa do estado: UFPI, UESPI, IFPI, UNIVASF e UFDPAR.

Os projetos apresentados abrangem temáticas nas áreas de Ciências Exatas e da Terra, Ciências Biológicas, Engenharia/Tecnologia, Ciências da Saúde, Ciências Agrárias, Ciências Sociais, Ciências Humanas, Linguística, Letras e Artes. Dentre eles, 60% são voltados para os eixos prioritários para o desenvolvimento do estado, como:

• Agricultura: Agregação de Valor das Cadeias Produtivas Principais, Agroindústria, Agricultura de Precisão e Melhoramento Genético.

• Meio Ambiente: Energias Limpas, Clima e Turismo.

• Tecnologia da Informação: Inovação Tecnológica em Saúde, Educação e Finanças.

Após a publicação do resultado final, os coordenadores dos programas contemplados terão um prazo de até 60 dias para iniciar o processo de contratação das propostas e informar a relação dos discentes beneficiados com as bolsas.

Clique aqui para acessar o resultado.

Continue lendoFapepi divulga Resultado Final da seleção de bolsas de Mestrado e Doutorado

Inicia hoje o prazo para submissão de propostas ao Edital de Bolsas de Iniciação Científica da FAPEPI

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:21 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:5 minutos de leitura

Inicia nesta sexta-feira (21), o período de submissão de propostas ao Programa de Bolsas de Iniciação Científica da FAPEPI (PBIC). O edital, lançado pelo governador Rafael Fonteles no último dia 19 de junho, visa contribuir para a formação de estudantes de graduação, despertar vocações científicas e incentivar novos talentos potenciais.

Foto Reprodução Internet

Serão disponibilizadas 200 bolsas, no valor de R$ 700,00 cada, com duração de até doze meses. As cotas serão divididas igualmente entre discentes mulheres e homens, com 100 bolsas para cada grupo. Este programa é um esforço estratégico para o desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação no Estado do Piauí, contemplando áreas importantes para o crescimento regional.

As propostas de pesquisa deverão se enquadrar em um dos seguintes eixos temáticos:

1.Agro: Agregação de Valor das Cadeias Produtivas Principais, Agroindústria, Agricultura de Precisão e Melhoramento Genético.

2.Meio Ambiente: Energias Limpas, Clima e Turismo.

3.Tecnologia da Informação: Inovação Tecnológica em Saúde, Educação e Finanças.

4.Livre: Temáticas relacionadas às diversas áreas do conhecimento.

Para submeter uma proposta, o discente deve estar vinculado a um pesquisador que possua título de Mestre ou Doutor e que tenha vínculo empregatício ou funcional com instituições públicas ou privadas sem fins lucrativos de ensino e/ou pesquisa situadas no Estado do Piauí. Cada proponente pode submeter até duas propostas, sendo uma para cada cota de bolsa pleiteada.

O proponente deverá ser o coordenador da proposta e orientador do candidato à bolsa. As propostas devem ser submetidas exclusivamente através do SIGFAPEPI no período de 21 de junho até as 23h59 do dia 15 de julho de 2024, horário de Brasília.

Clique aqui para acessar o Edital.

O edital lançado na última quarta-feira (19), após reunião entre o governador Rafael Fonteles e o diretor Técnico-Científico da FAPEPI, Pedro Soares, no Palácio de Karnak, reflete o compromisso do governo e da Fundação com o fortalecimento da pesquisa e inovação no estado.

A iniciativa marca um passo significativo na promoção da ciência e tecnologia no território piauiense, ao capacitar a nova geração de pesquisadores e contribuir para o progresso do Estado do Piauí.

Continue lendoInicia hoje o prazo para submissão de propostas ao Edital de Bolsas de Iniciação Científica da FAPEPI

FAPEPI lança Edital de Bolsas de Iniciação Científica para estudantes de graduação

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:20 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

  A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), publica nesta quarta-feira (19) o Edital nº 005/2024 no âmbito do Programa de Bolsas de Iniciação Científica da FAPEPI – PBIC. O Edital concederá 200 (duzentas) cotas de bolsas de iniciação científica, com valor mensal de R$700,00 (setecentos reais) cada por até doze meses. Cada território de desenvolvimento terá assegurado pelo menos 10 cotas de bolsa.

  A ação tem por objetivo contribuir para a formação de estudantes de graduação, despertar vocações científicas e incentivar novos talentos potenciais entre estudantes de graduação, assegurando-se a participação de mulheres matriculadas em Instituições de Ensino Superior (IES) publicas na iniciação científica e tecnológica com acesso à metade das bolsas ofertadas.

Foto Reprodução Internet.

 Serão financiados projetos de pesquisa em áreas estratégicas para o desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação do Estado do Piauí e serão distribuídas por território de desenvolvimento.

  O prazo para submissão de propostas tem início no próximo dia 21 de junho e se estende até 15 de julho via SIGFAPEPI .

Para ter acesso a bolsa, o discente deve buscar um pesquisador para submeter uma proposta, que possua título de Mestre ou Doutor e que tenha vínculo empregatício ou funcional com instituições públicas ou privadas sem fins lucrativos, de ensino e/ou pesquisa, do território de concorrência da proposta, sediadas no Estado do Piauí.

Clique aqui para acessar o Edital.

Continue lendoFAPEPI lança Edital de Bolsas de Iniciação Científica para estudantes de graduação

FAPEPI participa do FINEP Orienta no Rio de Janeiro

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:17 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:3 minutos de leitura

Na última sexta-feira (14), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI) marcou presença no FINEP Orienta, evento dedicado a fornecer orientações sobre o Programa Tecnova 3.

Organizado pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), o evento realizado no Rio de Janeiro teve como objetivo apresentar o processo de gestão e execução do Tecnova 3, além de oferecer orientações detalhadas para os participantes do programa. A cerimônia de abertura contou com a apresentação de André de Castro, superintendente da Área de Pesquisa Aplicada e Desenvolvimento Tecnológico da Finep, que destacou as expectativas e resultados já alcançados pelo programa.

O Tecnova é uma operação de financiamento não reembolsável descentralizada, onde ideias ganham formas para se transformarem em empresas. Em sua terceira rodada, o programa Tecnova 3 estabeleceu a meta de apoiar mais de 700 projetos em todo o país, impulsionando a inovação e o desenvolvimento tecnológico em diversas regiões.

A participação da FAPEPI no evento reflete seu compromisso em promover o desenvolvimento científico e tecnológico no Piauí. Durante o encontro, a Fundação esteve representada pela diretora e pela gerente de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico, Eliciana Vieira e Sâmia Maranhão e pelos servidores Danton Torres e Sandra Verônica.

Os servidores da Fundação tiveram a oportunidade de interagir com outros representantes estaduais, compartilhar experiências e aprimorar seus conhecimentos sobre a gestão de projetos de inovação, de forma a oferecer um suporte mais qualificado aos pesquisadores e empreendedores piauienses.

Uma vez que o Tecnova 3 será importante para o fomento de novas empresas no Piauí. Através do Programa será possível viabilizar o surgimento de novas ideias e projetos inovadores que podem transformar a economia local e gerar empregos.

O Programa Tecnova 3 é visto como uma peça chave no ecossistema de inovação brasileiro, proporcionando os recursos necessários para que ideias inovadoras se transformem em negócios sustentáveis e competitivos. A iniciativa é fundamental para fomentar a pesquisa aplicada e o desenvolvimento tecnológico, aspectos cruciais para o avanço econômico e social do país.

A presença ativa da FAPEPI no FINEP Orienta reforça o compromisso da Fundação em promover o desenvolvimento científico e tecnológico no Piauí, contribuindo significativamente para o sucesso do Tecnova 3 e, consequentemente, para a criação de um ambiente mais propício à inovação em todo o Brasil.

Continue lendoFAPEPI participa do FINEP Orienta no Rio de Janeiro

FAPEPI divulga resultado final da Chamada III do Edital de Apoio à Realização de Eventos Científicos

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:17 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:2 minutos de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí “Professor Afonso Sena Gonçalves” (FAPEPI), por meio da Diretoria Técnico-Científica (DTC), divulga o Resultado Final da Chamada III do Edital Nº 001/2024,  cujas propostas foram submetidas no período de 06 a 20 de maio de 2024, no âmbito do Programa de Apoio à Realização de Eventos Científicos, de Divulgação Científica e Tecnológica (PAP).

A chamada contemplou 60 propostas de eventos de divulgação científica, de abrangências local/estadual, regional/nacional e internacional, de 7 Instituições de Ensino e Pesquisa sediadas em 9 territórios piauienses. O Edital disponibilizou R$300.000,00 e a solicitação de auxílio pelos proponentes totalizou R$676.662,23.

De acordo com o Diretor Técnico-Científico Pedro Soares Júnior, o esforço da FAPEPI é apoiar a divulgação e popularização científica nas diversas instituições de todos os 12 territórios de desenvolvimento do estado do Piauí.

Clique aqui para acessar o Resultado.

Continue lendoFAPEPI divulga resultado final da Chamada III do Edital de Apoio à Realização de Eventos Científicos

FAPEPI e SEDUC divulgam orientações e cronograma para cadastro de bolsistas do Edital PIBIC-JR “SEDUC TEC”

  • Autor do post:
  • Categoria do post:Notícia
  • Última modificação do post:11 de junho de 2024
  • Tempo de leitura:2 minutos de leitura

A FAPEPI informa aos professores contemplados com bolsas do Edital nº 002/2024 – PIBIC-JR “SEDUC TEC” que será encaminhada correspondência para conta de e-mail informada no cadastro da seleção, com o acesso a um drive da SEDUC para cadastramento dos bolsistas. Devendo o professor orientador realizar os seguintes passos:


PASSO 01: Logado no seu e-mail, na caixa de entrada, acesse o link enviado, confirme o e-mail e insira o código solicitado (enviado previamente ao e-mail cadastrado) para acessar sua pasta e renomeie as subpastas com o nome de cada bolsista e em seguida preencha a ficha informativa com os dados solicitados.


PASSO 02: incluir a documentação solicitada (indicada na coluna Como Fazer do Cronograma) em arquivo único (um arquivo para cada um dos bolsistas) no formato PDF.


As ações deverão ser realizadas conforme disposto no CRONOGRAMA.

Clique aqui para acessar o Cronograma com orientações.

Continue lendoFAPEPI e SEDUC divulgam orientações e cronograma para cadastro de bolsistas do Edital PIBIC-JR “SEDUC TEC”