Proposta piauiense é aprovada em Chamada CNPq / INCT – 2022

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:8 de dezembro de 2022
  • Reading time:5 minuto(s) de leitura

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico – CNPq, sob as diretrizes do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações – MCTI tornou pública no dia 29 de julho de 2022 Chamada INCT – CNPq nº 58/2022, que tem por objetivo expandir o Programa Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCT) por meio de apoio a constituição de novos INCTs a partir do fomento a propostas de pesquisa de alto impacto científico e tecnológico em áreas estratégicas e/ou na fronteira do conhecimento, visando a solução dos grandes desafios nacionais.

Nos termos do edital, os Institutos Nacionais caracterizam-se como estruturas de pesquisa de excelência que desenvolvem articuladamente programas de pesquisa de alto impacto científico e/ou tecnológico na fronteira do conhecimento, em rede, de caráter interdisciplinar, com forte interação com o sistema produtivo e com outros grupos de outros países, com objetivos e metas claramente definidos e mensuráveis, com foco nas áreas estratégicas para o País.

No âmbito desta chamada nacional, uma proposta saída da Universidade Federal do Piauí (UFPI) foi aprovada, sendo o único projeto representante do estado. Intitulado “Polissacarídeos: plataformas versáteis para o desenvolvimento de produtos e tecnologias sustentáveis”, é um projeto onde pretende-se construir uma INCT organizada em rede de cooperação acadêmica nacional, com contribuições também internacionais de grupos com histórico de cooperação com grupos brasileiros, voltada à pesquisa e trabalhos de pós-graduação com polissacarídeos. Essa plataforma visa permitir a realização de eventos híbridos possibilitando ampla participação de pesquisadores da área, aumentando a formação e mobilidade de jovens com capacitação para pesquisa básica e tecnológica com polissacarídeos.

A proposta foi submetida pelo professor Edvani Muniz, professor titular do curso de Química da Universidade Federal do Piauí (UFPI), onde vem atuando com grupos de pesquisa da área de materiais, no programa de pós-graduação em materiais e em química. Anteriormente ele atuou durante 35 anos como docente na Universidade Estadual de Maringá (UEM). “Essa proposta tem um direcionamento de buscar aproveitar a rica biodiversidade do Brasil em termos de polissacarídeos. Já existem vários grupos de pesquisa no país trabalhando com polissacarídeos, e agora estamos propondo uma rede nacional de estudos nesse campo do conhecimento”, conta o professor.

Também estão entre os objetivos da proposta estudar conceitos fundamentais e desenvolver novos produtos baseados ou contendo polissacarídeos, estreitar a academia com o setor industrial para maior e melhor uso de tecnologias de produção e de utilização de fontes renováveis na área, além de promover ações de empreendedorismo, startups e difusão do conhecimento sobre polissacarídeos nos diversos níveis de educação das escolas brasileiras, para a conscientização da importância da conservação da biodiversidade e do melhor uso destas macromoléculas, contribuindo para a preservação de fontes não-renováveis e diminuição de problemas ambientais relacionados ao uso de polímeros não-biodegradáveis.

De acordo com as diretrizes do edital, a equipe de pesquisadores deve ter no mínimo oito pessoas com grau de doutor vinculados a, no mínimo, três instituições distintas, preferencialmente em diferentes unidades da federação. A proposta aprovada propõe a integração de uma equipe de 51 pesquisadores de 15 instituições (14 públicas e uma privada). As 15 IES estão distribuídas em 9 estados da federação, cobrindo todas as 5 regiões geográficas brasileiras e com cooperações de cerca de 20 grupos de pesquisas internacionais da América do Norte, Sul e Europa. A UFPI é a IES que lidera este projeto de INCT. 

“Com a implantação desta INCT no Piauí, a UFPI e o próprio estado passam a ser referência nessa área de estudo, e esperamos que tenhamos sucesso na execução dessa proposta, que é muito importante para o campo de estudo em materiais, na área da química e a própria ciência piauiense. Esperamos também estreitar relações com a FAPEPI na execução deste projeto, finaliza o professor Edvani.  

Continuar lendoProposta piauiense é aprovada em Chamada CNPq / INCT – 2022

Últimos dias para inscrição na Chamada Pública ERC-CONFAP-CNPQ 2022

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:22 de novembro de 2022
  • Reading time:5 minuto(s) de leitura

O Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (CONFAP) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) convidam pesquisadores do Brasil a buscar colaborações de pesquisa com pesquisadores doutores já apoiados por subsídios do Conselho Europeu de Pesquisa (ERC) financiados pela UE. A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), receberá as propostas das candidaturas elegíveis no estado do Piauí, e apoiará com suporte financeiro para a viagem de intercâmbio do pesquisador. O prazo máximo para submissão de propostas será até dia 15 de dezembro de 2022.

A chamada é lançada a partir dos acordos de implementação estabelecidos entre a Comissão Europeia e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (CONFAP) para fornecer oportunidades de pesquisa na Europa para pesquisadores brasileiros, assinado em 13 de outubro de 2016. A chamada também é resguardada pelo Acordo Administrativo entre a Comissão Europeia, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), a Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (CONFAP), referentes aos mecanismos de apoio à cooperação UE-Brasil em atividades de pesquisa e inovação, assinados em 19 de novembro de 2021. 

Os pesquisadores elegíveis do Brasil

Podem submeter propostas os pesquisadores ativos no Brasil, detentores de título de doutorado, que estejam implementando atividades de pesquisa dentro de universidades, institutos ou centros de pesquisa brasileiros.

Os projetos financiados pelo ERC, buscando acolher os pesquisadores brasileiros, cobrem uma vasta gama de áreas científicas e foram selecionados pela Comissão Europeia e pelo ERC, nos seguintes painéis de avaliação:

  • Biologia Molecular e Estrutural e Bioquímica
  • Genética, Genômica, Bioinformática e Biologia de
  • Sistemas
  • Biologia Celular e do Desenvolvimento
  • Fisiologia, Fisiopatologia e Endocrinologia
  • Neurociências e Distúrbios neurais
  • Imunidade e Infecção
  • Ferramentas Diagnósticas, Terapias e Saúde Pública
  • Biologia Evolutiva, Populacional e Ambiental
  • Ciências da vida aplicadas e biotecnologia não médica
  • Matemática
  • Constituintes Fundamentais da Matéria
  • Física de matéria condensada
  • Ciências Químicas Físicas e Analíticas
  • Química Sintética e Materiais
  • Ciência da Computação e Informática
  • Engenharia de Sistemas e Comunicação
  • Engenharia de Produtos e Processos
  • Ciências do Universo
  • Ciência do Sistema Terrestre
  • Mercados, Indivíduos e Instituições
  • Instituições, Valores, Crenças e Comportamento
  • Meio Ambiente, Espaço e População
  • A mente humana e sua complexidade
  • Culturas e Produção Cultural
  • O estudo do passado humano
  • Sinergia

Os pesquisadores elegíveis deverão acessar o portal on-line, disponível no link, para realizar as inscrições e envio dos documentos exigidos no edital. 

Para mais informações, assistência e suporte entre em contato através do e-mail disponível.

Mais informações sobre “equipes do ERC abertas ao mundo” acesse o link disponível.

Fonte: CONFAP

Continuar lendoÚltimos dias para inscrição na Chamada Pública ERC-CONFAP-CNPQ 2022

CNPq lança nova chamada do Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:17 de novembro de 2022
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura

Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) lançou, nesta quarta, 16, a Chamada Pública CNPq nº 68/2022 – Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI, que visa à concessão de bolsas de doutorado, mestrado e iniciação tecnológica em projetos a serem apresentados pelas Instituições Científicas, Tecnológicas e de Inovação  – ICTs. Os investimentos totais previstos pela chamada são de R$ 50 milhões e a submissão de propostas vai até 2 de janeiro de 2023.

Programa MAI/DAI busca fortalecer a pesquisa, o empreendedorismo e a inovação nas ICTs, por meio do envolvimento de estudantes de graduação e pós-graduação em projetos de interesse do setor empresarial, mediante parceria com empresas.

Desde 2013, quando estabeleceu de forma pioneira o Programa de Doutorado – DAI, o CNPq tem lançado regularmente Chamadas Públicas, com o objetivo de consolidar essa ação.

A partir de 2020, com o lançamento da Chamada CNPQ nº 12/2020 – Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI, o CNPq amplia o escopo do Programa, ao incluir a participação de estudantes de mestrado e de graduação nos projetos apoiados.

Clique aqui e acesse o texto completo da Chamada Pública CNPq nº 68/2022 – Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI.

Fonte: CNPq

Continuar lendoCNPq lança nova chamada do Programa de Mestrado e Doutorado para Inovação – MAI/DAI

Mestrado em Letras abre 590 vagas em todo o País

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:22 de novembro de 2022
  • Reading time:3 minuto(s) de leitura
Fonte: Reprodução Internet – CGCOM/CAPES

O Mestrado Profissional em Letras em Rede Nacional (ProfLetras) recebe inscrições de 14 de novembro a 15 de dezembro. São 590 vagas destinadas a professores de Língua Portuguesa em exercício no ensino fundamental da rede pública de todo o Brasil. O resultado final da seleção será divulgado a partir de 06 de março do próximo ano.

O exame nacional de acesso ao ProfLetras é executado pelo Núcleo Permanente de Concursos (Comperve) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), coordenadora nacional do Programa. Para concorrer, além de preencher os requisitos exigidos no edital e o formulário de inscrição,  disponível no site do Comperve, os interessados devem pagar uma taxa de R$150.

O ProfLetras conta com 49 instituições de ensino superior associadas e é uma das doze seleções autorizadas para a Chamada 2022/2023 do Programa de Mestrado Profissional para Professores da Educação Básica (ProEB) da CAPES.

ProEB
Para melhorar a qualidade do ensino nas escolas da educação básica pública brasileira, o ProEB promove a formação continuada de professores, no nível de pós-graduação stricto sensu. Além disso, oferece uma rede nacional para cursos promovidos por instituições de ensino superior públicas de tradição e valoriza as experiências adquiridas com a prática. Desse modo, aponta perspectivas de mudanças e respostas aos problemas do cotidiano da escola e da sociedade.

Fonte: Redação – CGCOM/CAPES

Continuar lendoMestrado em Letras abre 590 vagas em todo o País

Inscrições para parcerias com estados (PDPG) vão até novembro

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:22 de novembro de 2022
  • Reading time:3 minuto(s) de leitura

A CAPES prorrogou até as 23h59 de 23 de novembro o prazo para apresentação de projetos na seleção do Edital nº 38/2022, do Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) – Parcerias Estratégicas com os Estados III. O procedimento deve ser feito pelo Sistema de Inscrições da CAPES (Sicapes).

Publicada na edição desta quarta-feira, 26 de outubro, do Diário Oficial da União, a atualização do edital também altera o cronograma previsto para 2023. No próximo ano haverá divulgação dos resultados preliminar – a partir de 20 de janeiro –,  e final, em 10 de fevereiro. As assinaturas dos acordos de cooperação técnica, também devem ocorrer nesse mês, e o início de fato dos projetos, em março.

O valor destinado ao edital será de R$ 126,1 milhões. Deste total, R$21,2 milhões são para bolsas de mestrado, R$ 92,9 milhões para as de doutorado e R$ 11,9 milhões para pós-doutorado. As Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAP) devem entrar com contrapartida na forma de custeio de, pelo menos, 30% do montante destinado pela CAPES às bolsas, em cada projeto.

Já as instituições de ensino superior (IES) que tomarão a frente da parceria nos casos em que as FAP não manifestaram interesse em participar, devem apresentar demonstrativo de contrapartida não financeira. Isso se dá pela oferta de benefícios aos pesquisadores ou por melhorias estruturais para o fomento à formação de pessoal e à pesquisa.

Sobre o PDPG – Parcerias Estratégicas com os Estados III
Pelo Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) – Parcerias Estratégicas com os Estados III, a CAPES e as FAP ou instituições de ensino superior (IES) atuam em conjunto para ampliar a formação de pessoal qualificados em temas prioritários para os estados. As próprias FAP ou IES são as responsáveis por definir os eixos temáticos que promoverão o desenvolvimento econômico, educacional e social local. Serão financiados até 81 projetos, no limite de quatro por proponente.

Fonte: Redação – CCS/CAPES

Continuar lendoInscrições para parcerias com estados (PDPG) vão até novembro

CAPES prorroga inscrições para Edital do Programa de Desenvolvimento da Pós-graduação

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:1 de novembro de 2022
  • Reading time:3 minuto(s) de leitura

A CAPES prorrogou até as 23h59 de 23 de novembro o prazo para apresentação de projetos na seleção do Edital nº 38/2022, do Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) – Parcerias Estratégicas com os Estados III. O procedimento deve ser feito pelo Sistema de Inscrições da CAPES (Sicapes).

Publicada na edição desta quarta-feira, 26 de outubro, do Diário Oficial da União, a atualização do edital também altera o cronograma previsto para 2023. No próximo ano haverá divulgação dos resultados preliminar – a partir de 20 de janeiro –,  e final, em 10 de fevereiro. As assinaturas dos acordos de cooperação técnica, também devem ocorrer nesse mês, e o início de fato dos projetos, em março.

O valor destinado ao edital será de R$ 126,1 milhões. Deste total, R$21,2 milhões são para bolsas de mestrado, R$ 92,9 milhões para as de doutorado e R$ 11,9 milhões para pós-doutorado. As Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (FAP) devem entrar com contrapartida na forma de custeio de, pelo menos, 30% do montante destinado pela CAPES às bolsas, em cada projeto.

Já as instituições de ensino superior (IES) que tomarão a frente da parceria nos casos em que as FAP não manifestaram interesse em participar, devem apresentar demonstrativo de contrapartida não financeira. Isso se dá pela oferta de benefícios aos pesquisadores ou por melhorias estruturais para o fomento à formação de pessoal e à pesquisa.

Sobre o PDPG – Parcerias Estratégicas com os Estados III
Pelo Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG) – Parcerias Estratégicas com os Estados III, a CAPES e as FAP ou instituições de ensino superior (IES) atuam em conjunto para ampliar a formação de pessoal qualificados em temas prioritários para os estados. As próprias FAP ou IES são as responsáveis por definir os eixos temáticos que promoverão o desenvolvimento econômico, educacional e social local. Serão financiados até 81 projetos, no limite de quatro por proponente.

Fonte: Redação – CCS/CAPES

Continuar lendoCAPES prorroga inscrições para Edital do Programa de Desenvolvimento da Pós-graduação

FAPEPI divulga resultado final da 1ª FASE do CENTELHA II PIAUÍ

  • Post author:
  • Post category:CentelhaNotícia
  • Post last modified:18 de outubro de 2022
  • Reading time:3 minuto(s) de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), divulga nesta terça-feira (11) o Resultado Final da 1ª Fase do Edital nº002/2022 – Centelha II Piauí.

O Programa é promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap), operada pela Fundação CERTI e executada no Piauí pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado (FAPEPI).

O Diretor de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (DDCT) da FAPEPI, Ciro Gonçalves Sá, ressalta que nessa primeira etapa foram selecionados 200 projetos para desenvolvimento de empreendimentos inovadores. Ele também destaca que ao todo 416 projetos foram submetidos na primeira fase.

“Chegamos ao final da primeira fase do Centelha II Piauí. Essa primeira fase, teve como intuito selecionar ideias inovadoras que buscam empreendimentos de sucesso no Piauí. Nesse primeiro momento, foram avaliadas as 200 ideias entre 416, onde se destaca projetos que englobam a educação, saúde, tecnologia da informação, entre outros projetos”, destaca Ciro Sá.

Como funciona

O Programa Centelha visa estimular a criação de empreendimentos inovadores, a partir da geração de novas ideias, e disseminar a cultura do empreendedorismo inovador em todo território nacional, incentivando a mobilização e a articulação institucional dos atores nos ecossistemas locais, estaduais e regionais de inovação do país.

No endereço eletrônico, é possível obter mais informações sobre o programa e seu edital detalhado em todos os estados. 

“É importante destacar que, a partir de agora, os 200 projetos aprovados na primeira fase terão uma nova concorrência, e deverão novamente submeter seus projetos, identificando quais são as características importantes para um empreendimento de sucesso; como eles pretendem ganhar dinheiro a partir da sua ideia; e como o projeto será desenvolvido ao longo do Programa Centelha”, finaliza Ciro.

Continuar lendoFAPEPI divulga resultado final da 1ª FASE do CENTELHA II PIAUÍ

FAPEPI lança nota de repúdio sobre Fake News acerca do Edital n°007/2022

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:11 de outubro de 2022
  • Reading time:1 minuto(s) de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (FAPEPI), vem nesta quinta-feira (06), por meio desta nota, repudiar as notícias falsas que estão circulando nas redes sociais sobre o Edital FAPEPI n°007/2022 – Programa de Apoio à Fixação de Jovens Doutores no Brasil.

Notícias falsas sobre editais da FAPEPI circulam nas redes sociais.

Informações sobre editais, requisição de documentos e notas técnicas são divulgadas estritamente no site e redes sociais da instituição.

As autoridades já tomaram conhecimento quanto as notícias falsas e estão sendo acionadas para medidas cabíveis.

Assessoria de Comunicação da FAPEPI

Continuar lendoFAPEPI lança nota de repúdio sobre Fake News acerca do Edital n°007/2022

CAPES lança edital para Mestrado profissional para Professor de História

  • Post author:
  • Post category:NotíciaSem categoria
  • Post last modified:25 de outubro de 2022
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura


O Mestrado Profissional em Ensino de História (ProfHistória) está com edital aberto para a seleção 2023, até o próximo dia 06. São 640 vagas para a formação continuada de professores da educação básica que ensinam História. As oportunidades atenderão a todas as regiões do País.

A rede do ProfHistória conta com 39 instituições associadas, coordenadas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). O curso presencial possui três linhas de pesquisa: ‘Saberes históricos no espaço escolar’, ‘Linguagens e narrativas históricas: produção e difusão’ e ‘Saberes históricos em diferentes espaços de memória’. O Edital do ProfHistória é um dos doze autorizados para a Chamada 2022/2023 do Programa de Mestrado Profissional para Professores da Educação Básica (ProEB) da CAPES.

ProEB
Para melhorar a qualidade do ensino nas escolas da educação básica pública brasileira, o ProEB promove a formação continuada de professores, no nível de pós-graduação stricto sensu. Além disso, oferece uma rede nacional para cursos promovidos por instituições de ensino superior públicas de tradição e valoriza as experiências adquiridas com a prática. Desse modo, aponta perspectivas de mudanças e respostas aos problemas do cotidiano da escola e da sociedade.

Continuar lendoCAPES lança edital para Mestrado profissional para Professor de História

CAPES lança edital para Mestrado em Física para professores

  • Post author:
  • Post category:Notícia
  • Post last modified:1 de novembro de 2022
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura

O Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física (ProFís) recebe inscrições até a próxima quarta-feira, 05. O Edital oferece 606 vagas: 215 para o Nordeste, 126 para o Sudeste, 110 para o Sul, 99 para o Norte e 56 para o Centro-Oeste. A seleção está entre as doze autorizadas para a Chamada 2022/2023 do Programa de Mestrado Profissional para Professores da Educação Básica (ProEB), da CAPES.

Coordenado pela Sociedade Brasileira de Física (SBF), o ProFís conta com 67 instituições associadas. O curso, entre outras capacitações, preparará os professores para aplicar técnicas atuais da área, como o uso de mídia eletrônica e recursos tecnológicos e computacionais no ensino da disciplina em sala de aula.

ProEB
Para melhorar a qualidade do ensino nas escolas da educação básica pública brasileira, o ProEB promove a formação continuada de professores, no nível de pós-graduação stricto sensu. Além disso, oferece uma rede nacional para cursos promovidos por instituições de ensino superior públicas de tradição e valoriza as experiências adquiridas com a prática. Desse modo, aponta perspectivas de mudanças e respostas aos problemas do cotidiano da escola e da sociedade.

Continuar lendoCAPES lança edital para Mestrado em Física para professores