Sai o resultado do primeiro vestibular da UAPI: 60 cidades do Piauí ganham acesso ao Ensino Superior

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:30 de agosto de 2017
  • Reading time:3 minuto(s) de leitura

O Centro de Ciências de Saúde da Uespi receberá o Seminário sobre a Pesquisa e a Pós-Graduação no Piauí – Atualidades e Perspectivas, evento que marcará o início das aulas do segundo semestre no Centro. O seminário será aberto, sem necessidade de inscrições, e ocorre nos dias 12 e 13 de setembro. Ele terá como foco a pesquisa de biotecnologia realizada no estado, e contará com a participação de todas as instituições de ensino superior que tem pesquisadores abordando o assunto.

São parceiras da Uespi na realização do seminário a UFPI, IFPI, Uninovafapi, Renorbio (Rede Nordeste de Biotecnologia) e  a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi). No campo da pós-graduação, o Piauí conta com um mestrado em Biotecnologia na UFPI de Parnaíba e um doutorado por meio do Renorbio, do qual a Uespi faz parte como instituição associada. A intenção da universidade estadual é também propor um novo mestrado profissional na área.

“A ideia básica desse evento é discutirmos a pesquisa e a pós-graduação em biotecnologia no estado, congregando tanto quem já faz pesquisa como quem já participa de programas de pós-graduação, além, também, de quem fomenta a pesquisa no estado, caso da Fapepi”, relata o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da Uespi, Geraldo Eduardo da Luz Júnior.

O evento também contará com a presença do coordenador-geral da Capes para a área de biotecnologia, prof. dr. Odir Dellagostin, que proferirá palestra sobre os critérios do órgão para essa área, palestra esta destinada, principalmente, aos coordenadores de cursos de pós-graduação e aos coordenadores de proposta de mestrado e doutorado no campo.

Sobre a importância da integração com as outras instituições, Geraldo continua: “Integrar é sempre importante, nós ainda somos um estado carente em pós-graduação stricto sensu, passamos agora a 50 programas no geral, e há ainda uma concentração muito grande na UFPI. Então, a integração pode possibilitar uma melhor distribuição desses programas, com parceria entre os pesquisadores dessas instituições”, afirma o pró-reitor.

O seminário também fortalecerá os grupos de pesquisa em biotecnologia no estado, ainda segundo Geraldo, já que a união dos pesquisadores promove projetos mais qualificados, que servem tanto para a captação de recursos como possibilita o desenvolvimento científico e tecnológico do Piauí.

Créditos: Jônatas Freitas

Continuar lendoSai o resultado do primeiro vestibular da UAPI: 60 cidades do Piauí ganham acesso ao Ensino Superior

UAPI abre edital para tutores

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:23 de agosto de 2017
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura

Nesta segunda-feira (21) foi divulgado oficialmente o edital do processo seletivo da Universidade Aberta do Piauí (Uapi), que irá oferecer 60 vagas e cadastro de reserva para o cargo de tutor do curso de bacharelado em administração.

As inscrições podem ser feitas de 26/08 até 04/09, sendo gratuitas e exclusivamente pela internet através do endereço: http://siteead.uespi.br/selecoes

A UAPI é uma parceria entre a Universidade Estadual do Piauí (Uespi), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi), a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) e a Coordenadoria de Mediação Tecnológica e visa oportunizar o crescimento profissional, qualificar o povo piauiense e articular a difusão da educação.

Para concorrer as vagas de tutor, o candidato deverá possuir diploma de curso de Graduação e áreas afins, experiência mínima de 1 (um) ano no magistério do ensino básico ou superior na área do curso em que pleiteia a atuação; estar quite com as obrigações eleitorais e, com o serviço militar, (aos candidatos do sexo masculino) e ainda, não estar recebendo nenhum tipo de bolsa da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi).

Para visualizar o edital, acesse: https://goo.gl/ypAq4E

Continuar lendoUAPI abre edital para tutores

Fapepi reúne autores de Startups e define fase final da Pré-aceleração

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:22 de agosto de 2017
  • Reading time:2 minuto(s) de leitura

Com o objetivo de valorizar os pesquisadores e suas pesquisas, indispensáveis para o desenvolvimento das políticas públicas de saúde no país, o Ministério da Saúde lançou a 16° edição do Prêmio de Incentivo em Ciência, Tecnologia e Inovação para o Sistema Único de Saúde – SUS 2017.

Os candidatos poderão concorrer em cinco diferentes categorias: trabalho científico publicado (com premiação no valor de R$ 50 mil); tese de doutorado (R$ 50 mil); dissertação de mestrado (R$ 30 mil);  Produtos e Inovação em Saúde (R$ 50 mil) e Experiência Exitosa do Programa Pesquisa para o SUS: gestão compartilhada em saúde – PPSUS (1º lugar: R$ 50 mil, 2º lugar(R$ 30mil) e 3º lugar (R$ 20 mil).

As inscrições para o Prêmio CT&I 2017 começaram no dia 18 de julho e seguem até 31 de agosto, podendo ainda ser prorrogadas até 06 de setembro.

Vale ressaltar que podem se inscrever os pesquisadores e profissionais de saúde ou de qualquer área do conhecimento em nível de pós-graduação concluída, com temática na área de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde e que atendam às necessidades do SUS. Isso inclui pesquisas no âmbito do Programa Pesquisa para o SUS: gestão compartilhada em saúde (PPSUS); e projetos apoiados pelo Departamento do Complexo Industrial e Inovação em Saúde (Deciis/SCTIE/MS) em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) com aplicação industrial e impacto social e tecnológico.

Para acessar o edital completo e fazer a sua inscrição acesse: http://portal2.saude.gov.br/sisct/# 

Continuar lendoFapepi reúne autores de Startups e define fase final da Pré-aceleração

Fapepi lança edital de bolsas de apoio técnico de nível superior para a Fundação CEPRO

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:14 de julho de 2017
  • Reading time:3 minuto(s) de leitura

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi) lançou nessa sexta-feira (14) o Edital Fapepi/CEPRO para o provimento de bolsas de apoio técnico de nível superior vinculadas às atividades de estudo e pesquisa da Fundação Centro de Pesquisas Econômicas e Sociais do Piauí (Cepro).

O edital integra o Programa de Produção de Informações, Pesquisas e Estudos para o Desenvolvimento Sustentável com Inclusão Social no Piauí que é um acordo de cooperação técnica firmando entre essas instituições em 2016. Através dessa parceria já foram selecionados estudos de pesquisadores da Cepro em áreas estratégias para o estado e profissionais de apoio técnico.

“Esse termo de cooperação técnica entre as duas instituições fortalece a pesquisa no estado. Este é o segundo edital de apoio técnico e a expectativa é que outros virão nesse mesmo sentido e também para os pesquisadores”, colocou Albemerc Moura de Moraes, diretor técnico-científico da Fapepi.

O presidente da Fundação Cepro, Antonio José Medeiros, destacou a importância da Fapepi na elaboração de editais que renovam o quadro técnico da Cepro e contribuem para o fortalecimento das pesquisas nas universidades do Piauí.

“Nós firmamos um termo de cooperação entre Cepro e Fapepi que tem sido muito fecundo para o nosso trabalho. A Cepro está precisando de renovar o seu quadro de técnicos. O governador Wellington Dias já autorizou a realização de um concurso que estamos preparando, mas, enquanto não fazemos esse concurso e mesmo depois dele, nós vamos sempre manter uma parceira, uma colaboração com as universidades, oferecendo dois tipos de bolsas: para professores pesquisadores e para alunos de pós-graduação (mestrandos e doutorandos) e é nessa oferta das bolsas que o papel da Fapepi é fundamental porque ela tem a experiência, é a entidade credenciada para isso. Quero dizer que temos todo o interesse em continuar essa parceria e novos editais serão lançados para professores e alunos nas áreas de economia, ciências sociais, de geografia, de agronomia e serviço social que são as formações básicas que mantém o trabalho da Cepro”, disse Antonio José Medeiros.

O novo edital Fapepi/Cepro já está disponível. Acesse aqui.

Continuar lendoFapepi lança edital de bolsas de apoio técnico de nível superior para a Fundação CEPRO

Fapepi lança edital para revitalização da cultura do milho em Santa Rosa do Piauí

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria
  • Post last modified:14 de julho de 2017
  • Reading time:4 minuto(s) de leitura

Na manhã desta quinta-feira (13) na sede do Banco do Nordeste, representantes da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi), da Universidade Estadual do Piauí (Uespi) e do próprio Banco do Nordeste, lançaram o edital para revitalização da cultura do milho no município de Santa Rosa do Piauí, o processo seletivo é parte do Programa de Bolsas da Fapepi.

Conhecido como importante produtor de milho, o município de Santa Rosa do Piauí irá contar com o auxílio de pesquisadores para minimizar os efeitos negativos causados na produção por conta das condições climáticas e do desgaste do solo. O programa da Fapepi tem como objetivo conceder bolsas de apoio à pesquisa e de iniciação científica para fomentar atividades de pesquisa, inovação e transferência de tecnologia para a revitalização da cultura do milho no município.

O presidente da Fapepi, Francisco Guedes, falou sobre a importância de parcerias para o desenvolvimento em áreas do interior do estado.

“Temos diversas iniciativas dentro do programa. Além da revitalização da cultura do milho e a oportunidade de qualificação educacional com as bolsas que serão concedidas, nós estamos buscando implantar inovações tecnológicas neste processo, como a irrigação que, por exemplo, irá funcionar a base de energia solar”, destacou Francisco Guedes.

O edital possui quatro modalidades de bolsas: Nível Superior, para candidatos com diplomas de graduação na área de Engenharia Agronômica, e de curso de Mestrado em área das Ciências Agrárias – Produção Vegetal e/ou Produção Animal; Nível Médio, para portadores de diploma de curso técnico em Agricultura ou Agropecuária, e que sejam egressos de instituição pública de ensino do Estado do Piauí; Bolsas de Iniciação Científica, para estudantes de graduação do curso de Agronomia ( a partir do 4º período) e Bolsas de Iniciação Científica Jr, para estudantes matriculados em cursos de nível Técnico ou Profissionalizante da rede pública de ensino do estado do Piauí na área de Agricultura ou Agropecuária.

O Superintendente do Banco do Nordeste no Piauí, Francisco Lopes, ressaltou o envolvimento de uma parceria público-privada para o desenvolvimento do Piauí.

“É muito bom saber que podemos nos envolver com a pesquisa científica para financiarmos conjuntamente um projeto como esse, a nossa intenção é auxiliar no desenvolvimento das potencialidades do nosso estado. Este é o nosso primeiro passo, sabemos que a Fapepi tem uma equipe de alto nível e com toda certeza devemos firmar futuramente novas parcerias com a Fundação”.

O professor Luiz Gonzaga, Diretor do Centro de Ciências Agrárias da Uespi, comentou as novas possibilidades com o programa.

“Contamos com um aporte de R$ 140 mil do Banco do Nordeste e mais R$ 140 mil da Fapepi, através do Tesouro Estadual, para o financiamento de bolsas em vários níveis, então temos uma expectativa muito grande para melhorar os índices de produção na região de Santa Rosa, apostando na geração de modelos aplicáveis, na recuperação do solo e assim contribuir para o desenvolvimento social, científico e econômico da região”.

O projeto que tem duração de três anos, é o primeiro edital da Fapepi, direcionado para o desenvolvimento específico de uma cultura e visa beneficiar tanto a agricultura familiar como a produção para fins comerciais do milho.

Para visualizar o edital, acesse:  https://goo.gl/pp75Ej

Continuar lendoFapepi lança edital para revitalização da cultura do milho em Santa Rosa do Piauí