30 Agosto, 2017 14:31

Sai o resultado do primeiro vestibular da UAPI: 60 cidades do Piauí ganham acesso ao Ensino Superior

Jhussyenna Reis

Universidade Aberta do Piauí (UAPI) anunciou na manhã desta quarta-feira (30) o resultado do seu primeiro vestibular. A oferta, inicialmente, é para a graduação de Bacharelado em Administração. Autoridades dos diversos órgãos ligados à educação do Estado prestigiaram a solenidade, com destaque para as instituições integrantes do projeto: a Universidade Estadual do Piauí (Uespi), a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Piauí (Fapepi), a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) e a Coordenadoria de Mediação Tecnológica.

O objetivo da Universidade Aberta é oportunizar o crescimento profissional, qualificar o povo piauiense e articular a difusão da educação. O reitor UESPI, professor Nouga Cardoso, citou nominalmente a relação dos 10 primeiros colocados no vestibular demonstrando a localidade de origem de cada um. Isso para ressaltar o interesse e ao mesmo tempo o alcance dessa grande iniciativa em prol da expansão da educação no Piauí. Confira os nomes a seguir:

1°- Ialys Emidio Cavalcante de Paula (zona sul de Teresina)

2° - Hildeberto Matias Soares (zona sul de Teresina)

3° - Antonio Eduardo Alves Cardoso (José de Freitas)

4° - Pablo Teixeira de Moura Sousa (Currais)

5° - Gabriel Frechiani de Oliveira (Alto Longá)

6° - Edna Maria Soares (Buriti dos Montes)

7° - Gilvanildo Oliveira da Silva (Buriti dos Montes)

8° - Francisca Jaqueline Ferreira de Oliveira (Pedro II)

9° - Elias Azeredo e Silva ( Cocal)

10° - João da Cruz Silva (zona sul de Teresina)

O presidente da Fapepi, Francisco Guedes, agradeceu a todos os responsáveis pelo projeto e ainda ressaltou o papel da educação como instrumento fundamental de superação da pobreza. “Para a redução das desigualdades e diminuição do êxodo rural, por exemplo, a educação é o grande passo a ser dado. Então, esse dia de hoje, representa muito para todos nós, uma vez que estamos oportunizando acesso à educação para quem ainda não tem. Por isso, é com imenso prazer que a Fapepi integra o corpo executor da Universidade Aberta do Piauí, tendo essa missão de coordenar a gestão de bolsas que serão o suporte financeiro dos nossos professores-tutores”.

Já o reitor Nouga Cardoso explicou que foram 3 mil novas vagas criadas esse ano, dentro de um projeto ousado do Governador do Estado, Wellington Dias. Assim, o objetivo do Governo do Estado é oferecer todos os ciclos de formação da educação em cada um dos municípios. “Nesse primeiro momento, nós estamos atendendo a 60 cidades, que se somam a outras 87 que já têm, por sua vez, a oferta de ensino superior. E para nós é uma alegria poder ver a UESPI cumprindo o papel para o qual ela foi criada de levar uma boa formação superior aos munícipes piauienses, gerando possibilidade de inserção do mercado de trabalho com qualificação, que certamente repercutirá em um melhor desenvolvimento funcional e em uma melhor qualidade de vida”, comentou.

“A intenção maior é que o nosso aluno tenha oportunidade perto de casa”, foi o que destacou o Superintendente de Ensino Superior da Seduc, Ellen Gera, ao relembrar todos os níveis de educação e programas de inclusão que a população piauiense foi conquistando ao longo do tempo. O gestor explicou também que a UAPI é um sistema complexo, porém muito bem construído com o empenho de suas instituições participantes. “A Seduc, por exemplo, está trabalhando firmemente para cumprir o seu papel que é garantir a infraestrutura de todos os polos, com laboratórios, internet e sala de mediação tecnológica”.

Mario Ângelo de Meneses, que é Coordenador de Mediação Tecnológica do Estado, e  representou o Governador na solenidade, reforçou o empenho de Wellington para viabilizar o programa da UAPI. Ele também adiantou que haverá uma segunda etapa do Programa, incluindo mais 120 municípios. Esse próximo Edital tem previsão de lançamento para o mês de novembro deste ano.  

Para conferir a lista completa dos aprovados, acesse: http://nucepe.uespi.br/uapi2017.php