06 Maio, 2020 19:48

Faps do Nordeste mapeiam trabalhos científicos sobre COVID-19

As Fundações de Amparo à Pesquisa do Nordeste (Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe), no âmbito do Comitê Científico de Combate ao Coronavírus (C4NE), elaboraram formulário de pesquisa para aconselhamento dos governadores da região como ponto estratégico das possíveis ações e políticas de fomento à ciência que podem ser feitas. O formulário está disponível no link: https://bit.ly/fapsnordestecovid

O objetivo do formulário é identificar as pesquisas que já estão sendo realizadas com foco na Covid-19 e as possíveis pesquisas que podem ser financiadas num futuro edital do consórcio de todas as fundações do Nordeste. Para respondê-lo é bem simples e os participantes podem apresentar de forma resumida as pesquisas que estão em andamento e que podem ser utilizadas ou aplicadas no combate ao coronavírus.

O presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa de Alagoas (FAPEAL) e do Conselho Nacional das Fundações de Amparo à Pesquisa do país (CONFAP), Fábio Guedes Gomes, destaca que já existe um número grande de pesquisas sendo desenvolvidas, no âmbito da COVID-19, no Nordeste e que o mais importante é a rede de pesquisadores que foi criada na região.

“No Rio Grande do Norte há um grupo de físicos e matemáticos liderando o trabalho de construção de modelos de previsão e dinâmica da pandemia. Na Paraíba foi desenvolvido um protótipo de respirador mecânico na UFPB. Em Alagoas, um grande grupo, liderado por professores da UFAL está produzindo em escala máscaras plásticas. No Ceará realizaram chamada pública para contratação de produtos, serviços e pacotes tecnológicos. Ou seja, por todo o Nordeste nossas instituições de ensino públicas, laboratórios e secretarias de saúde estão irmanados numa só frente: demonstrar ao país que com união, parceria e cooperação, a ciência é fundamental para mitigarmos o efeito da pandemia”, pontuou.

Ações no Piauí 

No Piauí, o Governo do Estado, através da Fundação de Amparo à Pesquisa do Piauí (Fapepi) divulgou na última semana o resultado final da Chamada Pública 001/2020, selecionando sete projetos emergenciais com temáticas ligadas à Covid-19. O Edital Tecnova II, também lançado recentemente pela Fapepi, em parceria com Finep e MCTIC, destina recursos específicos para pesquisas sobre a Covid-19. 

Além disso, as Instituições de Ensino Superior do estado têm se dedicado à pesquisa sobre o novo coronavírus. Diversos grupos de pesquisadores estão liderando em diversas frentes, o combate à doeça.